top of page

70% dos brasileiros desconfiam do trabalho da polícia, diz pesquisa

Apenas 22% dos brasileiros dizem ter plena confiança na atuação da polícia

Repressão policial em São Paulo em 2013/Foto Reprodução USP
Repressão policial em São Paulo em 2013/Foto Reprodução USP

DCM - A maioria da população brasileira (70%) desconfia no trabalho das polícias do Brasil, segundo pesquisa PoderData divulgada nesta segunda (5). 19% dos entrevistados dizem “não confiar” nas corporações, enquanto 51% dizem “confiar pouco”.


Apenas 22% dos brasileiros dizem ter plena confiança na atuação da polícia, número que diminuiu 4% em relação ao levantamento anterior (26%), feito em janeiro de 2023. Na comparação feita com a pesquisa anterior, a taxa de entrevistados que não confiam nas corporações permaneceu a mesma.


Os dados são proporcionais à percepção da violência no país. Segundo pesquisa feita em dezembro de 2023, 71% dos entrevistados afirmaram que a violência no país “aumentou” (36%) em 2023 ou que “ficou igual” (34%).


Lideram o ranking de desconfiança com o trabalho da polícia mulheres (65%), moradores do Centro-Oeste (78%), os que cursaram ensino superior (79%) e os que recebem mais de cinco salários mínimos (78%). Já os que dizem “confiar muito” são pessoas entre 16 e 24 anos (36%), os que cursaram ensino fundamental (29%), os que têm renda de até dois salários mínimos (25%) e entre dois e cinco salários mínimos.


Essa taxa também é maior entre as pessoas que dizem “desaprovar” o governo Lula: 28% desse grupo diz “confiar muito” no trabalho da polícia. O percentual cai para 15% entre quem “aprova” a gestão petista.


A pesquisa PoderData foi feita entre os dias 27 e 29 de janeiro de 2024, com 2.500 entrevistados em 229 municípios das 27 unidades da Federação. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, e o intervalo de confiança é de 95%.


Entre no nosso grupo de WhatsApp AQUI

Entre no nosso grupo do Telegram AQUI

 

Ajude a fortalecer nosso jornalismo independente contribuindo com a campanha 'Sou Daki e Apoio' de financiamento coletivo do Jornal Daki. Clique AQUI e contribua.