top of page

Abono salarial do PIS/Pasep será pago a 4 milhões de pessoas

Para receber o dinheiro o trabalhador deve estar inscrito em um dos programas há pelo menos cinco anos


Marcello Casal Jr./Agência Brasil
Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Brasil de Fato - A partir da próxima segunda (17) a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil estarão pagando as parcelas do abono salarial PIS/Pasep, referente ao ano de 2021, aos trabalhadores nascidos nos meses de maio e junho. Os valores das parcelas variam de acordo com o número de meses trabalhados em 2021.


Ao todo, mais de 4 milhões de pessoas serão beneficiadas com o pagamento das parcelas.

Além dos nascidos em maio e junho, receberão também no mês de abril os servidores públicos que possuem os números 2 e 3 como último dígito do Pasep.



Também receberão a parcela os trabalhadores nascidos nos meses de janeiro, fevereiro, março e abril que enfrentaram divergências de dados no sistema nos meses em que deveriam ter recebido o benefício.


Quem possui direito ao benefício, que pode chegar a até R$1.302, são os trabalhadores vinculados a empresas privadas inscritos no Programa de Integração Social (PIS) e servidores públicos inscritos no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep).


Para receber o dinheiro o trabalhador deve estar inscrito em um dos programas há pelo menos cinco anos. Além disso, deve ter recebido no ano de 2021, em média, até dois salários mínimos por mês. Vale ressaltar que a pessoa deve ter trabalhado por pelo menos 30 dias no ano de referência.


Entre no nosso grupo de WhatsApp AQUI.

Entre no nosso grupo do Telegram AQUI.

 

Ajude a fortalecer nosso jornalismo independente contribuindo com a campanha 'Sou Daki e Apoio' de financiamento coletivo do Jornal Daki. Clique AQUI e contribua.



POLÍTICA