top of page

Anitta declara apoio a Lula no primeiro turno: "não tem outra opção"

Após assassinato de militante do PT por terrorista bolsonarista, popstar disse que a violência a fez mudar de posição


Foto: Ricardo Stuckert | Divulgação
Foto: Ricardo Stuckert | Divulgação

Brasil 247 - A popstar Anitta declarou apoio ao ex-presidente Lula nas eleições presidenciais, após ter defendido um "meio-termo" para derrotar Jair Bolsonaro nas urnas.


A cantora disse que a agressividade dos bolsonaristas, ilustrada pelo ato terrorista de um apoiador do chefe de governo que assassinou um militante petista em Foz do Iguaçu (PR), a fez mudar de posição.


"Se não houvesse uma morte envolvida neste caso do apoiador de Lula que foi atacado por um bolsonarista eu diria que a burrice dessas pessoas chega a ser engraçada. Mas não. É apavorante", escreveu Anitta, no Twitter.


"Pois muito que bem. Eu havia falado aqui nas redes que não apoiaria lula nas eleições por querer algo novo e diferente para que o Brasil experimente um meio-termo entre os ideais da população dos dois lados e realmente pudesse tentar algo diferente do que já tivemos no passado", seguiu.


"Mas a postura extremamente agressiva e antidemocrática dessa gente não me deixa outra opção. É 'Lula-lá'... seus burros, agressores, autoritários e violentos".


Ainda no Twitter, Anitta disse preferir derrotar o bolsonarismo já no primeiro turno, e disse que lutará "por uma novidade na política presidencial brasileira nas próximas eleições".

 

Ajude a fortalecer nosso jornalismo independente contribuindo com a campanha 'Sou Daki e Apoio' de financiamento coletivo do Jornal Daki. Clique AQUI e contribua.






POLÍTICA