top of page

De dia pastor, à noite assassino: a incrível história do pistoleiro Babidy

Na Paraíba o suspeito atuava como presbítero, e em Pernambuco como assassino de aluguel e braço direito de uma organização criminosa

Fuxico Gospel - Nesta quinta-feira (21), a polícia de Goiás prendeu um presbítero da Assembleia de Deus suspeito de 11 homicídios em Vicência, na Zona da Mata Norte de Pernambuco, e em Machados, no Agreste do Estado.


Segundo as investigações, o suspeito, identificado como Flávio Severino da Silva, conhecido como “Babidy”, mantinha uma vida dupla, atuando como presbítero na Assembleia de Deus Paraíba e, ao mesmo tempo, como pistoleiro de aluguel em Pernambuco.


A prisão do religioso aconteceu no município de Quirinópolis, interior do Estado de Goiás. A suspeita é que ele recebia vultosas quantias para assassinar traficantes que se recusavam a colaborar com a organização criminosa a qual era braço direito.



Denominada de ‘Juízo Final’, a operação foi deflagrada pela Polícia Civil de Goiás e tinha como principal alvo o presbítero. Além disso, contou com apoio da Polícia Civil de Pernambuco.


Segundo o delegado Thiago Henrique, um dos principais casos de Babidy foi um triplo homicídio que aconteceu em Vicência, em plena luz do dia, por volta das 12h, a poucos metros da delegacia da cidade.


Flávio Severino foi encaminhado à delegacia e posteriormente transferido para Pernambuco, onde os crimes que lhe são imputados ocorreram.


Veja trecho de uma pregação do presbítero


Entre no nosso grupo de WhatsApp AQUI.

Entre no nosso grupo do Telegram AQUI.

 

Ajude a fortalecer nosso jornalismo independente contribuindo com a campanha 'Sou Daki e Apoio' de financiamento coletivo do Jornal Daki. Clique AQUI e contribua.