top of page

Família de técnico de enfermagem assassinado em SG desconfia de emboscada

E mais: Menina de 11 anos que foi estuprada em SC consegue fazer aborto, diz MPF, PF prende homem no Galeão com 7kg de cocaína escondida, Serviços no Detran operam com 30% do efetivo, Receita e Anatel apreendem celulares do comércio irregular no Rio


Foto: Marcos Porto/Agência O Dia
Foto: Marcos Porto/Agência O Dia

Começamos o Rolé desta quinta (23) com a notícia lamentável de que familiares de Bruno Longobuco desconfiam que a técnico em informática tenha sido vítima de uma emboscada, na noite desta quarta, quando foi morto a tiros, no bairro do Jardim Catarina, em São Gonçalo.


O homem dirigia pela Avenida Doutor Albino Imparato, quando foi alvo de disparos. Parentes estiveram na manhã de hoje no Instituto Médico Legal (IML) de Tribobó, para reconhecer e liberar o corpo. O Dia noticiou: Família de técnico em informática morto em São Gonçalo desconfia de emboscada: 'Tiro foi direcionado para o carro'


E o Ministério Público Federal (MPF) informou, no começo da tarde desta quinta, que o procedimento de interrupção de gestação foi realizado na menina de 11 anos impedida de fazer aborto após estupro em Santa Catarina. De acordo com a assessoria de imprensa, o aborto foi realizado ontem (22). Em G1: Menina de 11 anos que foi estuprada em SC consegue fazer aborto, diz MPF


Um brasileiro foi preso em flagrante quando transportava cerca de 7kg de cocaína no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (Galeão), na noite dessa quarta (22). A Polícia Federal encontrou a droga escondida em uma no equipamento de kitesurf, na "pipa".


O homem de 41 anos e natural do Rio tinha como destino a cidade de Copenhagen, na Dinamarca, na Europa. O trajeto tinha escala em Lisboa, em Portugal. O Extra noticiou: PF prende homem no Galeão com 7kg de cocaína escondida em equipamento de kitesurf


Postos do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-RJ) tiveram a capacidade de atendimento reduzida a 30%, nesta quinta, em todo o Estado do Rio de Janeiro, por conta de uma paralisação de servidores da categoria.


Os funcionários também realizaram uma manifestação na entrada da sede do órgão, na Avenida Presidente Vargas, Centro do Rio de Janeiro. Tá na Tribuna: Greve no Detran: Serviços operam com 30% do efetivo


Finalizamos o Rolé de hoje com a notícia sobre uma operação da Receita Federal e da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) que apreendeu nesta quinta, no Rio de Janeiro, 102 telefones celulares vendidos irregularmente. Somados, os aparelhos valem R$ 200 mil.


Segundo a Receita Federal, os telefones tinham indício de falsificação relacionada à certificação concedida pela Anatel, “e esse comércio irregular gera desemprego, sonegação de impostos e concorrência desleal à indústria e aos vendedores regularmente instalados”. Em Agência Brasil: Receita e Anatel apreendem celulares do comércio irregular no Rio

 

Ajude a fortalecer nosso jornalismo independente contribuindo com a campanha 'Sou Daki e Apoio' de financiamento coletivo do Jornal Daki. Clique AQUI e contribua.



POLÍTICA