top of page

Ipec: com 52% dos votos válidos, Lula vence já no 1º turno

Novo levantamento confirma tendência de crescimento de Lula e estagnação de Bolsonaro que vem sendo registrada em pesquisas de outros institutos

Foto: reprodução
Foto: reprodução

Fórum - Nova pesquisa presidencial Ipec (antigo Ibope), divulgada nesta segunda-feira (19), mostra que o ex-presidente Lula (PT) segue firme na liderança e vem pavimentando o caminho para uma vitória já no primeiro turno, uma vez que registrou novo crescimento enquanto Jair Bolsonaro (PL) continua estagnado.


De acordo com o levantamento, Lula subiu um ponto percentual com relação ao estudo anterior, de 12 de setembro, e agora atinge 47% das intenções de voto. Bolsonaro, por sua vez, manteve o índice de 31% que já possuía na última pesquisa.


Ciro Gomes (PDT), em terceiro lugar, aparece com os mesmos 7% do último estudo, enquanto Simone Tebet (MDB) cresceu um ponto e aparece com 5%. Votos em bancos e nulos representam 5%, enquanto 4% dos entrevistados não sabem em quem vão votar ou não responderam.

Em votos válidos, isto é, desconsiderando os brancos e nulos, Lula atinge 52%, mais que o suficiente para liquidar o pleito já em primeiro turno. Para isto, basta um candidato ter 50% e mais um voto.



Confira os números

  • Lula (PT): 47%

  • Jair Bolsonaro (PL): 31%

  • Ciro Gomes (PDT): 7%

  • Simone Tebet (MDB): 5%

  • Soraya Thronicke (União Brasil): 1%

  • Branco/nulo: 5%

  • Não sabe/não respondeu: 4%

Pesquisa espontânea


Na pesquisa espontânea, isto é, quando os nomes dos candidatos não são apresentados aos eleitores, Lula também cresceu: tinha 44%¨no levantamento anterior e agora marca 45% das intenções de voto. Bolsonaro, por sua vez, fez o caminho contrário: tinha 30% na última pesquisa do Ipec e, na nova, caiu para 29%.


Veja os índices

  • Lula (PT): 45%

  • Bolsonaro (PL): 29%

  • Ciro (PDT): 5%

  • Tebet (MDB): 3%

  • Branco/nulo: 7%

  • Não sabe/não respondeu: 11%

Segundo turno


O Ipec também fez simulação de um eventual segundo turno e, de acordo com o levantamento, Lula cresceu e venceria Bolsonaro por 54% a 34%. No levantamento anterior, o ex-presidente marcava 53%, ao que o atual tinha 35%.


A pesquisa contou com 3.008 entrevistas feitas em 181 municípios brasileiros entre os dias 17 e 18 de setembro. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

 

Ajude a fortalecer nosso jornalismo independente contribuindo com a campanha 'Sou Daki e Apoio' de financiamento coletivo do Jornal Daki. Clique AQUI e contribua.


POLÍTICA