top of page

Maricá: Educação orienta alunos do 9º ano para a prova do Saeb

Ação consiste em levar professores da equipe de Gestão Pedagógica a instruir estudantes de 13 unidades que farão o exame


Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A Prefeitura de Maricá informou por meio da Secretaria de Educação, que orientou nesta quarta (18) os 409 alunos do 9º ano do Ensino Fundamental do Campus de Educação Pública Transformadora (CEPT) Leonel Brizola, em Itaipuaçu, que vão fazer a prova do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb). Denominada de “papo-cabeça”, a ação consiste em levar professores da equipe de Gestão Pedagógica das 13 unidades que atendem o segmento para instruir estudantes que farão o exame.


O Saeb visa avaliar a educação básica brasileira e oferecer subsídios para o aprimoramento de políticas públicas educacionais. As avaliações se baseiam em três pilares: Língua Portuguesa, com foco em leitura; Matemática, direcionada na resolução de problemas; questionários socioeconômicos, fundamental para reflexão de fatores de contexto que podem estar associados ao desempenho. As provas serão aplicadas entre os dias 23/10 até o dia 10/11.



“O papo-cabeça vem para conscientizar cada um desses alunos que não tem ideia do que se trata e acha que é uma prova que não vale ponto. Explicamos que o Saeb vai além de ser uma prova de Português e Matemática e que envolve um questionário socioeconômico com perguntas sobre raça-cor, moradia, renda familiar, entre outros aspectos. Isso faz parte do contexto do papo-cabeça”, esclareceu Emílio Rubem, professor de matemática que visita as escolas municipais para um bate-papo com os jovens.


O professor de Geografia da rede municipal, Ramires Alvarenga, que atua junto com Emílio Rubem, disse que o projeto surgiu em 2019 e, desde então, tem engajado alunos e professores. “Temos conseguido, com o passar do tempo, gerar um conhecimento maior entre os alunos sobre essas avalições externas. Antes de 2019, muitos alunos não tinham ideia do que era o Saeb e hoje percebemos um reconhecimento maior. Temos os articuladores do Saeb nas escolas que fazem esse contato direto com os alunos. Isso tem funcionado muito bem”, afirmou Alvarenga.



Saeb


De acordo com o Ministério da Educação, o Saeb reflete os níveis de aprendizagem demonstrados pelos estudantes avaliados, explicando esses resultados a partir de uma série de informações contextuais, por meio de testes e questionários aplicados a cada dois anos na rede pública e em uma amostra da rede privada.


O Saeb permite que as escolas e as redes municipais e estaduais de ensino avaliem a qualidade da educação oferecida aos estudantes. As médias de desempenho dos estudantes, apuradas no Saeb, juntamente com as taxas de aprovação, reprovação e abandono, apuradas no Censo Escolar, compõem o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).


Realizado desde 1990, o Saeb passou por uma série de aprimoramentos teórico-metodológicos ao longo das edições. Nas últimas duas edições, e também naquela que se realiza no ano de 2023, é possível verificar esse avanço com a implementação de diversas novidades, em especial as voltadas à implementação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC).


Entre no nosso grupo de WhatsApp AQUI

Entre no nosso grupo do Telegram AQUI

 

Ajude a fortalecer nosso jornalismo independente contribuindo com a campanha 'Sou Daki e Apoio' de financiamento coletivo do Jornal Daki. Clique AQUI e contribua.