top of page

Nova revelação do NYT pressiona Biden a desistir da candidatura

Informações abrem suspeitas sobre estado mental do democrata

Nova revelação do NYT pressiona Biden a desistir da candidatura. Créditos: Reprodução/ ABC
Nova revelação do NYT pressiona Biden a desistir da candidatura. Créditos: Reprodução/ ABC

O jornal The New York Times publicou na segunda-feira (8) uma reportagem que caiu feito uma bomba no Salão Oval da Casa Branca e colocou mais pressão no presidente Joe Biden para que desista de disputar o pleito presidencial contra Donald Trump.


A partir do registro oficial de visitantes da residência presidencial, o NYT descobriu que o médico Kevin Cannard, especialista em Mal de Parkinson e neurologista do Centro Médico Militar Nacional Walter Reed, visitou a Casa Branca oito vezes entre julho de 2023 e março de 2024.



Dessa maneira, a reportagem do NYT colocou ainda mais pressão para que Joe Biden desista da candidatura e alimentou ainda mais as especulações de que o candidato democrata não tem condições físicas e mentais para seguir na disputa por um novo mandato.


Com a ampla repercussão da reportagem do NYT, a porta-voz da Casa Branca, Karine Jean-Pierre, negou que Joe Biden tenha Parkinson ou que o presidente esteja fazendo algum tipo de tratamento contra demência.


"O presidente foi tratado para Parkinson? Não. Ele está sendo tratado para Parkinson? Não, ele não está. Ele está tomando medicação para Parkinson? Não", declarou Karine Jean-Pierre durante coletiva na segunda-feira (8).



Sobre as motivações da visita do médico especialista em Mal de Parkinson, a porta-voz da Casa Branca não falou e também não explicou se ele esteve com Joe Biden. Com isso, as especulações permanecem no ar e a pressão para que Joe Biden abandone a disputa aumenta. *Parte da informação da Revista Fórum


Nos siga no BlueSky AQUI.

Entre no nosso grupo de WhatsApp AQUI.

Entre no nosso grupo do Telegram AQUI.

 

Ajude a fortalecer nosso jornalismo independente contribuindo com a campanha 'Sou Daki e Apoio' de financiamento coletivo do Jornal Daki. Clique AQUI e contribua.

POLÍTICA