Buscar

Bazar reverte renda para a proteção aos animais



Enquanto políticas públicas de proteção aos animais não avançam em São Gonçalo, os cidadãos fazem a sua parte. Nesta semana (até sábado) foi montado um bazar popular com roupas, acessórios, brinquedos e utilidades domésticas com renda revertida exclusivamente para a causa.

Segundo Monica Sá, uma das organizadoras do bazar, a renda obtida pela iniciativa será direcionada principalmente para a rede de cuidadores voluntários existentes na cidade.

O bazar, que ocorre semestralmente no ICBEU, no bairro Zé Garoto, é fruto dos encontros e discussões do Fórum Popular de Proteção aos Animais que acontecem todo o último sábado do mês. O Fórum tem como objetivo pleitear políticas públicas e promover ações que viabilizem a proteção aos animais em São Gonçalo.

Atualmente a cidade tem uma lei aprovada sobre o assunto de autoria do vereador Marlos Costa, mas ainda não foi regulamentada pelo executivo. A lei também prevê a instalação de um centro de zoonoses para prevenção e controle de doenças de origem animal.

No dia 25 deste mês será realizada, no Centro Cultural Joaquim Lavoura (Lavourão), uma pré-conferência para debater o tema e forçar a prefeitura a regulamentar a lei e assim criar o conselho municipal, importante ferramenta para implantação e manutenção de políticas públicas de proteção aos animais e, por extensão, à preservação da saúde humana.

Aos interessados, acesse a página do fórum no facebook aqui ou envie email para contato: forumdeprotecao.sg@gmail.com.

Gostou? Curta a página Daki no facebook aqui e fique bem informado.


#CIDADE

MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon