Buscar

Projeto social no Apolo III comemora 1 ano


Há 1 ano um projeto social tem feito a diferença na qualidade de vida de dezenas de famílias no Bairro Apolo III, Itaboraí. Tudo por conta do projeto Mais uma chance, que beneficia cerca de 150 moradores, entre crianças, adolescentes e adultos, oferecendo gratuitamente atividades esportivas, aulas de dança, capoeira, hidroginástica e outras modalidades. Mais de 400 pessoas já foram beneficiadas pela iniciativa.

O objetivo do projeto é promover a inclusão, através da arte, da cultura e do esporte, construindo pontes que unam as diferenças e sejam alicerces para a cidadania e assim transformar a criança em um cidadão de bem.

Na tarde de sábado do último dia (29), a sede do projeto realizou a festa de comemoração de 1 ano de atividades. Alunos, pais e educadores puderam prestigiar a apresentação da Cia DS - Destruction Style Crew, conhecer as novas programações e junto da equipe do projeto e convidados cantaram parabéns, com muito bolo e guaraná.

O evento contou ainda com a participação do professor Enderson Marcelo Soares (Reizinho) que destacou a importância do incentivo dos pais e acompanhamento nas aulas e no trajeto até o caminho do projeto.


A professora de hidroginástica, Márcia Grasiele destacou a importância dos alunos não faltarem, pois as aulas além de melhorarem a capacidade cardiorrespiratória, são uma ótima forma de aumentar a circulação do sangue permitindo uma distribuição funcional por todo o corpo. “Logo, logo vamos começar as aulas de Zumba, uma nova modalidade no projeto”, revelou a professora.

O ex-coordenador do projeto Mais uma Chance, Leonardo Peixoto, agradeceu o apoio de todos os colaboradores e a presença dos convidados: — “Somos muito gratos a todos que nos ajudam neste projeto e aos pais que nos confiam seus filhos”.

O comerciante Leonardo Peixoto que cresceu no bairro do Apolo III sabe de perto como é ter uma infância difícil. “Minha mãe tinha que fazer faxina para criar os dois filhos sozinha, ela saia de casa ainda de madrugada e chegava por volta das 23h. Aos sete anos comecei a vender doces para ajudar no sustento da casa, pois às vezes não tínhamos dinheiro para comprar o pão. Ela é o exemplo de que podemos superar qualquer dificuldade, por isso resolvi criar o projeto para ajudar as crianças a terem um local de lazer e uma oportunidade de uma infância melhor”, conta Leonardo.


O projeto social agora passa ser administrado pelo agente esportivo Janderson Justino e o gerente comercial Anderson Pereira. “A recompensa é muito gratificante quando os pais vêm nos agradecer e dão uma boa referência do projeto para a comunidade, mas estou passando administração do projeto para dois amigos que irão administrar o projeto tão bem quanto eu”, revela o comerciante.

O projeto Mais uma Chance fica na Avenida Afonso Salles Lt, 820, Qd 28, Apolo III, São Gonçalo, aberto de segunda a sábado.

Aulas de Karatê, Jiu Jitsu, Hidroginástica, Capoeira, Dança e Zumba.

Telefone: (21) 97574-2723

Saiba mais em https://goo.gl/wfFzJc


MARCOS MOURA

Gostou? Curta a página Daki no facebook aqui e fique bem informado.


#SAÚDE #LAZER

MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon