Buscar

Itaboraí promove reestruturação na administração municipal


A Prefeitura de Itaboraí promove, a partir desta quinta-feira (31), uma reestruturação na administração pública, com o objetivo de adequar o município à nova realidade financeira causada pela queda de mais de 50% da arrecadação do município desde março, resultado, principalmente, da paralisação das obras da refinaria do Comperj na cidade. A expectativa é a de economizar cerca de R$ 1 milhão apenas com a redução na folha de pagamento.

Uma das medidas adotadas pelo prefeito Helil Cardozo é a exoneração de 11 dos 21 secretários municipais e a redistribuição das secretarias entre aqueles que permanecem nos cargos, que acumularão as funções.

No início da tarde desta quarta-feira (30), o prefeito comunicou formalmente a decisão a todo o secretariado. Ao longo desta semana, Helil já havia se encontrado pessoalmente com cada secretário para informá-los sobre as mudanças.


Na reunião desta quarta-feira, o prefeito agradeceu aos secretários pela parceria e afirmou que espera contar com a colaboração de todos, mesmo daqueles que deixam seus cargos a partir desta quinta-feira.

"Essa não é uma medida que eu gostaria de tomar. Quero deixar claro que ninguém está sendo exonerado por ineficiência, razões políticas ou qualquer outro motivo que não seja o corte de despesas", enfatizou o prefeito. "Vamos enxugar as estruturas das secretarias, e isso inclui a diminuição do número de secretários, além da redução de funcionários comissionados".

Também serão exonerados nesta quinta-feira 1.537 funcionários comissionados. A partir de segunda-feira (04/01), 1º dia útil do ano, cerca de 580 serão renomeados, já levando em conta a nova estrutura da administração. O restante poderá ser recontratado aos poucos ao longo do ano, de acordo com a necessidade da administração e o reequilíbrio gradual das finanças.

O procurador-geral do município, Robert Baptista, reitera que não houve redução no número de secretarias, mas apenas um enxugamento do quadro de pessoal:

"É bom deixar claro que todas as secretarias municipais continuam em atividade. Apenas haverá uma redução na estrutura administrativa", explica o procurador.

A maioria das renomeações imediatas ocorrerá nas secretarias de Educação, Saúde e Fazenda, setores considerados prioritários pelo Governo.


COMO FICA A NOVA CONFIGURAÇÃO DO SECRETARIADO:

Educação e Cultura / Esporte, Lazer e Turismo - Susilaine Duarte

Procuradoria Geral - Robert Baptista

Saúde / Desenvolvimento Social - Edilson Francisco dos Santos

Desenvolvimento Econômico / Ciência e Tecnologia - Luiz Fernando Guimarães

Fazenda / Planejamento - Rodney Mendonça

Controladoria - Marcos Mendonça

Administração/Ouvidoria - Eliézio Coutinho

Obras/Serviços Públicos - Mario Sérgio Lopes

Segurança e Defesa Civil - Rodrigo Barreto

Governo/Chefia de Gabinete/Habitação/Trabalho e Renda - Márcio Fernando

Fundação Municipal de Cultura - Cláudio Rogério Dutra

Itaprevi - Erica Saraiva

Gostou? Curta a página Daki no facebook aqui e fique bem informado.​


#CIDADE

MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon