Buscar

PT de SG: rejeitado e sozinho



O PT em nível nacional vive o pior momento de sua história de 36 anos. Bombardeado ininterruptamente com denúncias de corrupção desde 2005 no chamado escândalo do mensalão, dá mostras de ter sucumbido de vez à Operação Lava Jato que tem no partido seu alvo principal.

O estrago na legenda perante a opinião pública de todo o país foi imenso, e há quem diga irreversível. E em São Gonçalo não foi diferente.

Na cidade, a grande maioria dos dirigentes e dos militantes se contentavam em exercer papéis coadjuvantes na cena política e eleitoral, mesmo quando o partido estava na crista da onda nos anos dourados de Lula na presidência e nos dois primeiros anos do governo Dilma.

Com exceção de 2008, o PT gonçalense sempre abdicou de exercer sua força política lançando candidatos próprios majoritários e, assim, apresentar um contraponto à velha política que vem desde 1998 com os mesmos políticos de sempre saídos do PDT: Ezequiel e Graça Mattos, Aparecida Panisset e, agora, Neilton Mulim.

Perdeu-se o bonde da história, o cavalo encilhado que passou à sua frente.

Despedaçado e fraco, o PT não sabe para onde ir. Ninguém o quer, mesmo com os seus aproximados 10 min de tempo diários de rádio e TV. Se depender do presidente da legenda, Lázaro Santana, novamente não haverá candidatura própria. Para amenizar a humilhação da rejeição na cidade, oferece o seu apoio às legendas solidárias à Dilma Roussef que votaram contra o impeachment.

Além do próprio PT, apenas PCdoB e PSOL votaram em bloco contra. O PCdoB caminha com a candidatura Marlos (PSB) para a prefeitura, o PSOL lançou novamente o Professor Josemar. Não o encontramos para saber se o apoio é bem vindo.

Triste fim.


PSC FECHA APOIO A MARLOS


Depois de vários boatos da candidatura da missionária evangélica Flor de Lis à prefeitura pelo PSC, o partido fechou questão com o vereador Marlos (PSB) nas eleições deste ano. Flor de Lis foi para o PMDB.

A chapa agora possui cinco partidos, PSB, PCdoB, PTB, PPL e PSC, com 120 pré-candidatos a vereador e 10 minutos diários de inserção em rádio e televisão.

Notinha:

Marlos participará em Brasilia nos dias 6, 7 e 8 do seminário organizado pelo PSB 'Cidades Inclusivas' junto com mais de 850 pré-candidatos pelo partido em todo o Brasil.

GRAÇA OUTRA VEZ?

A ex-deputada que andava murchinha já pensando em se aposentar recebeu um novo gás com a conjuntura política nacional com um provável governo Temer. O marido Edson Ezequiel foi a Brasilia negociar um cargo de diretoria na Petrobras e, de quebra, o apoio do PMDB nacional e da máquina federal à candidatura de Graça, que iria para a sua quarta tentativa de se eleger prefeita de São Gonçalo.

Graça Mattos tentou a reeleição para deputada em 2014 mas não se elegeu.

DRUMMOND LEVA PSD COM 'PORTEIRA FECHADA'

O pré-candidato Dilson Drummond (PSDB) ganhou apoio de peso na disputa para a prefeitura: o PSD. O diretório municipal do PSD, presidido pelo vereador Marco Rodrigues, que vinha construindo desde 2014 um projeto de apoio ao vereador Marlos para a prefeitura em 2016, pulou a cerca e resolveu apoiar Drummond, que é quem de fato controla o partido e constrói a nominata de vereadores.

Na 'hora da verdade', Marco Rodrigues, o político 'matemático', refez as contas e decidiu ir para os braços do PSDB de Dilson Drummond e Sandro Almeida, reforçando a fama de político 'volúvel' quando se trata de cumprir acordos. Que o diga Dr. Charles e Aparecida Panisset.

Sabe como é, 'novas atitudes, novos resultados'...

A CAMPANHA JÁ COMEÇOU... SQN

De Jorge Patrício (PRB) está empolgando com sua candidatura e por causa disso anda derrapando na legislação eleitoral. O pré-candidato foi flagrado distribuindo 'marca-páginas' com seu nome na Rua da Feira, no Alcântara.

Gostou? Curta a página Daki no facebook aqui e fique bem informado.


#POLÍTICA #CAFÉCOMPOLÍTICA #MARLOSCOSTA #MARCORODRIGUES #DEJORGEPATRICIO #DILSONDRUMMOND #ELEIÇÕES2016 #PTSÃOGONÇALO

MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon