Buscar

Prefeitura de SG compra ovo a R$ 10 a dúzia



Antes de qualquer coisa, o leitor deve saber que existe uma lei federal, a de nº 11.947/2009, que prevê a destinação de 30% dos recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) para a aquisição de produtos hortifrutigranjeiros da agricultura familiar LOCAL consumidos na merenda dos estudantes da rede municipal.

Isso é bom para todo mundo. Ou pelo menos deveria ser: para os produtores rurais locais, estudantes e prefeituras que, negociando diretamente com os produtores, elimina a figura do atravessador dos custos dos produtos.

Mas, 'morando em São Gonçalo você sabe como é'...

No caso dos ovos, da matéria abaixo, ou a prefeitura é inepta na negociação, esbanjadora do dinheiro público ou alguém superfaturou o produto.

A denúncia partiu do vereador Dudu do Catarina, no Plenário da Câmara, no dia 03 de maio.

Ovos a peso de ouro em São Gonçalo

Prefeitura realiza compra de dúzias de ovos caipira com valor cerca de 150% mais caro que o comercializado

De O Fluminense

Texto: Lislane Rottas

A Prefeitura de São Gonçalo comprou quatro mil dúzias de ovos de galinha caipira a R$ 10 cada, totalizando nada menos que R$ 40 mil. Desta forma, o município irá pagar, de acordo com a entrega, cerca de 150% a mais que o valor comercializado pela dúzia de ovos comuns. A chamada pública foi publicada no Diário Oficial do último dia 3, e empreendedores da base familiar rural venceram o processo para atender à Secretaria Municipal de Educação, que utilizará o produto na merenda escolar.

O vereador de São Gonçalo Alexandre Gomes (PSB) disse que vai apresentar uma denúncia ao Ministério Público Estadual solicitando o cancelamento imediato dessa chamada.

“Isso para mim é um desrespeito com o dinheiro público, pois, após algumas visitas a mercados de grande porte, constatei que a dúzia dos ovos custa algo em torno de R$ 4 reais. Sendo assim, é notório o superfaturamento desses produtos na chamada pública”, pontuou o parlamentar.


Para o vereador Marlos Costa (PSB), não há necessidade que a compra seja de ovos do tipo caipira, pois, segundo ele, esses produtos já são mais caros.

“O município passando por toda essa crise e o Executivo faz uma compra dessas? Eles deveriam economizar na escolha e optar por ovos de galinha de granja, que costumam ser mais baratos. Com o valor da dúzia de ovos de galinha caipira poderiam ser comprados duas dúzias e meia de ovos de galinha de granja”, afirmou .

Para o presidente da Comissão de Educação da Câmara dos Vereadores de São Gonçalo, vereador Professor Paulo, (PCdoB), questões que envolvem a merenda escolar têm sido alvo de sindicâncias.

“Em São Gonçalo, a questão da merenda precisa ser investigada mais afundo em decorrência de sucessivas denúncias. Como presidente desta comissão estou empenhado em apurar os indícios de irregularidades”, disse o vereador Professor Paulo (PCdoB).

Procurada, a assessoria de imprensa da Prefeitura de São Gonçalo não respondeu até o fechamento desta edição.

Gostou? Curta a página Daki no facebook aqui e fique bem informado.


#POLÍTICA #SÃOGONÇALO

MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon