Buscar

Prefeitura oferecerá cursos de qualificação em 18 pontos da cidade



A Prefeitura de São Gonçalo, através da Secretaria de Desenvolvimento Social (SMDS), oferecerá diversos cursos de qualificação aos gonçalenses em pelo menos 18 pontos espalhados pela cidade. A ideia é descentralizar os serviços antes concentrados nos polos de Vista Alegre, Trindade e Coelho para todos os centros de referência social (CRAS) do município.

- Vamos ampliar a oferta desses cursos nos 18 CRAS do município atingindo um número muito maior de pessoas. O serviço era oferecido em apenas três bairros, o que impedia o acesso de muitos interessados nos cursos. Nesse momento de crise econômica e elevado desemprego, é de extrema importância que um número maior de pessoas possa se qualificar para ajudar na renda de suas famílias - afirmou Marlos Costa, secretário de Desenvolvimento Social.

Segundo Marlos, os cursos que funcionavam nos polos de qualificação não faziam parte da estrutura da SMDS, eram vinculados diretamente ao Gabinete do Prefeito anterior, que deixou um passivo trabalhista de 800 mil reais por falta de repasses ao INSS de todos os funcionários da Secretaria, professores e pessoal de apoio. O programa atualmente passa por uma fase de reestruturação pela pasta.

- A nossa equipe técnica identificou uma dívida trabalhista com o INSS de 800 mil reais do governo anterior. Com esse valor daria para bancar 1 ano e meio de cursos. Mas estamos trabalhando com o prefeito José Luiz Nanci para equacionar este problema, e que no início do segundo semestre os cursos possam ser oferecidos novamente à população com recursos da SMDS. Com essa dívida junto ao INSS não conseguimos captar verbas federais e isso compromete nosso planejamento - continuou Marlos.

Dentre os cursos que serão oferecidos estão artesanatos em EVA, entrelaçados em fitas, decoupagem, pintura em tecido, capitonê, cabeleireiro, canto e violão, compotas, confeiteiro, corte e costura, cuidador de idosos, refrigeração e lavadoras, depilação, panificação e salgados, doces finos, escultura em frutas e legumes, informática, inglês básico, limpeza de pele, manicure e pedicure, maquiagem e noções básicas de massagem.

O secretário Marlos Costa lamenta a interrupção momentânea da oferta dos cursos de qualificação, mas acredita ter sido necessária para colocar a 'casa em ordem' e assim poder acertar os passivos trabalhistas e ampliar os serviços para um maior número de gonçalenses:

- O nosso compromisso é com a população e com os trabalhadores que servem aos gonçalenses. O início dos nossos trabalhos foi muito difícil porque não tivemos acesso às informações necessárias no período de transição de governo. Mas já passou. O que queremos agora é oferecer políticas públicas de qualidade no município da região metropolitana que mais necessita dessas políticas na área de assistência social - finalizou.

No Polo de Vista Alegre os serviços do CRAS e do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) continuam funcionando normalmente, assim como o Centro de Referência para pessoas com deficiência (Centro-Dia).

A Secretaria de Desenvolvimento Social já prepara uma grande campanha para a divulgação dos cursos entre a população.

Atualizado às 19:05.

Gostou? Curta a página Daki no facebook aqui e fique bem informado.


#SÃOGONÇALO #MARLOSCOSTA #JOSÉLUIZNANCI #ASSISTÊNCIASOCIAL #POLÍTICA

MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon