SMDS 'se vira nos 30' e renova convênio com 8 instituições de SG



Marlos Costa e Oscarina renovando convênio

Com objetivo de melhorar as condições de trabalho e o atendimento à população, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Infância e Adolescência renovou convênio com oito diferentes instituições da cidade. As entidades realizam um amplo trabalho de assistência, com atendimento a pessoas com deficiência, em vulnerabilidade social, vítimas de violência, além de abrigamento para população em situação de alto risco social.

As instituições beneficiadas ainda serão contempladas com aumento de até 30% dos valores recebidos. São elas: Associação dos Pais e Amigos do Excepcionais (APAE), Centro de Reabilitação, Educação e Integração Social (CEREI), Albergue da Misericórdia, Lar Adonai, Centro de Apoio ao Deficiente Visual de São Gonçalo (CADEVISG), Associação de Pais e Amigos dos Deficientes da Audição (Apada) e Abrigo Santa Rita de Cássia.

O secretário de Desenvolvimento Social, Marlos Costa, afirma ser uma conquista para as associações e, principalmente, para a população.

- A renovação do convênio mostra o compromisso em atender a nossa população com respeito, carinho e valor à vida. São entidades conveniadas à secretaria que cumprem papel importante para o povo gonçalense. Mesmo num momento de aperto financeiro, fazemos questão de continuar essa parceria - disse Marlos.

Fundada na cidade há 47 anos, a APAE assiste 440 crianças, jovens e adultos com atendimento especializado nas áreas de psicologia, fonoaudiologia, fisioterapia, musicoterapeuta, terapia ocupacional, neurologia, clínica médica, pediatria, musicoterapia, educação física, odontologia e assistência social. Diretora da unidade, Javanira Vieira afirma que a renovação do convênio é o que garante o funcionamento da instituição.

-Essa renovação do convênio, com o reajuste, é algo muito importante para nós da APAE, é o que garante o nosso funcionamento. Com a garantia do repasse das verbas podemos dar andamento aos projetos, garantir a alimentação dos nosso usuários, entre outros - garantiu.

Ao tomar conhecimento dos problemas financeiros que a APAE enfrentava, o prefeito José Luiz Nanci agiu rapidamente para solucionar a questão.

- Sabemos que a Apae realiza um trabalho sério e indispensável nas vidas de muitas famílias. Não poderia deixar uma instituição tão importante fechar as portas, principalmente quando a minha proposta é cuidar bem dos gonçalenses - afirma o prefeito.

Gostou? Curta a página Daki no facebook aqui e fique bem informado.


#SÃOGONÇALO #SMDS #CIDADE #MARLOSCOSTA #NANCI

MALUGA_2.jpg
QV1.jpg
GRÁFICA_RS_2.jpg

To play, press and hold the enter key. To stop, release the enter key.