Buscar

Jornalista niteroiense estreia na literatura com livro "Sopro"



Do jornalismo para a poesia transcendental de tirar o fôlego

Do texto jornalístico, voltado única e exclusivamente aos fatos cotidianos, para o corpo subjetivo de um poema, a jornalista Tânia Ribeiro Roxo demorou para retirar de seu acervo todo o material literário que vinha desenvolvendo ao longo dos anos. Cheio de volúpia, confissão e devaneio, seu livro de poesia intitulado Sopro (Editora Autografia) evidencia o olhar arguto da niteroiense nascida na década de 70 na performance de seus poemas.

Fotógrafa sentimental das cenas triviais do dia a dia, Tânia não se interessa pela verborragia. Pelo contrário, é concisa em sua construção poética, embora não menos laboriosa em sua linguagem carregada de lirismo.

Para o escritor e membro da Academia Niteroiense de Letras (ANL) Hilário Francisconi, que assina a orelha da obra: “Sopro enleva-nos por intermédio dos poros da autora: jornalista e poetisa que sabe, como poucos de sua geração, ‘noticiar’ entre as linhas de seus versos brancos as matrizes sensoriais dos labirintos da alma".

Atualmente produtora e assessora do evento "Literatura na varanda", que tem como proposta encontros bimestrais entre escritores, críticos literários e leitores afincos, Tânia tem descoberto que o seu lugar encontra-se na arte, seja produzindo versos ou organizando eventos literários. Presença forte na cena literária niteroiense, ela vem se tornando uma das mais relevantes divulgadoras de cultura da região fluminense. Além disso, coleciona prêmios literários e poemas selecionados em diferentes antologias poéticas.

Editado pela Autografia, Sopro reúne 24 poemas e 25 fotografias, com ilustração de capa assinada por Bela Cristina Rabe.

A sessão de autógrafos do livro será realizada no dia 22 de julho (sábado), das 10 às 12 horas, na Biblioteca Popular Anísio Teixeira, na Rua Lopes Trovão, s/n, no Campo de São Bento, Icaraí, Niterói.

Gostou? Curta a página Daki no facebook aqui e fique bem informado.


#CULTURA

MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon