Buscar

Vereador acusa Eliane Nanci de roubar dinheiro de cemitério



O vereador Sandro Ameida (PHS) promoveu audiência pública hoje (7) na Câmara de Vereadores sobre os cemitérios públicos da cidade e deu alguns passos à frente em sua postura oposicionista ao governo José Luiz Nanci.

Almeida fez acusações gravíssimas à primeira-dama e chefe de gabinete do prefeito, Eliane Gabriel Nanci, de desvio de dinheiro público, em espécie, do que era arrecadado nas funerárias que atuam na cidade.

Para embasar suas afirmações, o parlamentar usou depoimento gravado de uma suposta ex-servidora, com identidade preservada, que trabalhou como coordenadora de cemitérios da prefeitura de abril de 2016 a março de 2017.

De acordo com o que foi relatado, a servidora recolhia o dinheiro das funerárias e entregava em mãos à primeira dama todos os dias na sede da prefeitura, com anuência e ciência do prefeito.

A 'delatora' teria sido exonerada por Eliane após exigir dela recibos do dinheiro entregue.

Segundo afirmou em vídeo, há registros dos encontros entre a primeira dama e a servidora no telefone celular da denunciante, que podem ser usados no inquérito aberto no ministério público.

Vereadores da base governista e demais presentes à audência esperavam de Almeida provas consistentes e documentais à sua denúncia, o que não ocorreu, dando espaço para contestações ao que foi apresentado pelo vereador.

Almeida, que é pré-candidato a deputado estadual, correu lista para abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI).

São necessárias 9 assinaturas para instalação da CPI.

A reportagem procurou a prefeitura para responder às acusações, mas até o fechamento desta não se pronunciou.

Atualização às 20:58: Leia aqui nota da prefeitura.

Gostou? Curta a página Daki no facebook aqui e fique bem informado.


#POLÍTICA #SÃOGONÇALO #ELIANENANCI #JOSÉLUIZNANCI

MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon