Buscar

'Avesso': o bem e o mal é tudo igual


“Sem ordem cronológica e sem linearidade o espetáculo “Avesso” aposta na desconstrução de três clássicos de William Shakespeare”.


A coluna foi conferir “Avesso”, no Teatro Glauce Rocha, cuja temporada encerrou no domingo, 04. A montagem da Comunidade de Teatro Independente – CTI partiu do princípio de desconstrução de “Romeu e Julieta”, “Macbeth” e “Hamlet”. A dramaturgia é de Ribamar Ribeiro que divide a direção com Renato Neves.

- Buscamos desconstruir esses textos de Shakespeare para formar plateias de jovens que possivelmente desconhecem suas obras. E as pessoas estão comentando tanto nas ruas quanto nas redes sociais com bastante positividade – revelou José Carlos Rosa, responsável da CTI.

“Avesso” é um espetáculo que une o tradicional com o contemporâneo sem cair no abismo. Pelo contrário, traz um frescor a mais aos três clássicos de William Shakespeare, com elenco de jovens atores. Cada cena uma linguagem, velocidade e fisicalidade adequadas às ações dos personagens. A desconstrução de Heiner Müller com William Shakespeare em Hamlet é um atrativo a mais na peça, que instiga do início ao fim.


A angústia, a traição, as paixões, o ódio, a ironia e a ganância fazem parte do universo do dramaturgo britânico. Sabemos. E nesse mesmo universo com cenário intimista os atores ora estão numa ciranda celestial ora estão às portas do inferno. A trilha sonora eletrizante, indo de The Smiths a Janis Joplin, entre outros grandes nomes da música internacional embalam a peça. As cenas têm ritmo, respiração, suor e lágrimas. A iluminação abre-se como as flores no jardim de Gertrurdes despertando-a dos sonhos coloridos. Tudo isso faz a espectadora ao lado querer saber: “Será que é agora que aquele moço do craniozinho maldito vai dizer aquela tão conhecida frase”?

Merecidos aplausos. Um belo espetáculo! Cumprimentos e fotografias, amigos e familiares querendo compartilhar o que acabaram de assistir com os envolvidos.

E a coluna sai pelas ruas do Centro do Rio à procura de um botequim para dar prosseguimento ao rascunho do artigo em mesa solitária.

Da CTI

Com mais de 20 espetáculos na bagagem, a Comunidade Teatral Independente acabou de soprar suas 15 velinhas de resistência cultural, com essa montagem que nasceu através do "Projeto Furo de Pauta do SESC Rio”, em 2015, com os atores que fizeram parte da primeira turma da CTI.

Quem não assistiu essa temporada de “Avesso”, segue e mantenha-se informado através da página no Facebook aqui.


FICHA TÉCNICA

elenco: Bruna Lopez, Erika Monteiro, Getulio Nascimento, Gustavo Araújo, MarcosPinheiro e Nívea Nascimento

atores (stand-in): Rodrigo Villas Boas e Talita Bildeman

dramaturgia: Ribamar Ribeiro

direção: Renato Neves e Ribamar Ribeiro

apoios: Fux Projeto e Construção, Adec Construção e Reformas, Petit Maison,Elementais Arte Visual

produção: Comunidade Teatral Independente (CTI)


André Santana é poeta, cronista, produtor artístico e colunista teatral.

#CULTURA #TEATRO #ARTIGOS #CRÔNICAS #AVESSO #ANDRÉSANTANA

MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon