Buscar

Forças políticas se aglutinam em torno de Pericar pra derrubar Nanci



O vice-prefeito Ricardo Pericar colocou as cartas na mesa e já não esconde de ninguém o desejo de derrubar o prefeito José Luiz Nanci. Não importa se agora na marra ou em 2020 no voto. De qualquer forma, Pericar já é candidato e a expectativa real de poder agora não o cora a cara se comparado ao maior verme da política nacional: Michel Temer.

Pericar nunca se ateve a partidos e muito menos a programas. Atendeu sempre a si mesmo mantendo-se equidistante de todos os governos enquanto parlamentar por três mandatos. Talvez por isso jamais tenha conseguido construir um grupo político que pudesse liderar e o levar a voos mais altos na política, embora tenha criado fatos políticos relevantes enquanto esteve na Câmara.

A posição de vice-prefeito em 2016 caiu em seu colo devido às idiossincrasias pré-eleitorais. Nanci não o queria, mas foi convencido da aliança após o naufrágio das tratativas partidárias preferenciais e ao correr da hora de registro da chapa que viria a ser vitoriosa na urnas. 

Certo como a alvorada, Pericar não aceitou o papel de coadjuvante no governo que se iniciava, criando diversos problemas para o prefeito que já encontrava dificuldades tanto na gestão, quanto na articulação e interlocução políticas com os vereadores.

Se valendo disso, Pericar atropela os protocolos, ensaia uma aproximação com os parlamentares descontentes e oposicionistas, deixando claro que, se houvesse ambiente, toparia participar de uma ação de desmantelamento do governo, mesmo se isso ocasionasse o impedimento de José Luiz Nanci.

Tudo sendo costurado por detrás de uma porta entreaberta.

Crocodilagem pura.

Os resultados eleitorais e o triunfo do bolsonarismo em São Gonçalo forçaram um rearranjo político numa cidade onde não houve vencedor, apenas perdedores. Isso é cristalino. Pericar, porém, reclama para si a representação política local do ex-capitão, mesmo derrotado à Câmara Federal pelo PSL, partido do futuro presidente da República.

O fato é que o 'bolsonarista' de ocasião, ex-brizolista, estimula e ao mesmo tempo aglutina grupos radicais, oportunistas e lideranças duvidosas que trabalham de modo aberto e obsceno pelo enfraquecimento e posterior queda de Nanci. Muitos deles já se colocam como candidatos à vereança e estão em plena campanha em atos pontuais nas ruas, nas redes sociais ou como 'papagaios de pirata' de Pericar nos vídeos de Facebook.

E não só isso. Sob pretexto de investigar supostas irregularidades nos cemitérios da cidade, um grupo de vereadores quer desenterrar uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que jaz morta desde junho deste ano só para bagunçar, emparedar e paralisar o governo Nanci. Os motivos da iniciativa são diversos e inconfessáveis, mas é forte o burburinho de que os parlamentares agem afiançados por Pericar que, claro, nega ou desconversa.

Ricardo Pericar não precisa disso. Pode traquilamente renunciar ao cargo de vice-prefeito, oficializar uma oposição clara e honesta e disputar as eleições em 2020 com chance reais de vitória. Adquiriu cacife para vencer. A sua ambição em alçar o poder agora nos levará à ruína. São Gonçalo não merece isso.

E os vereadores, mais do que nunca, precisam ser responsáveis.

Mais abaixo, no 'Aqui tem mais pra você' você pode acompanhar, de modo cronológico, a evolução da treta entre o prefeito e o vice, que começou exatamente no dia da posse de José Luiz Nanci.


#POLÍTICA #SÃOGONÇALO #JOSÉLUIZNANCI #RICARDOPERICAR

MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon