Buscar

Prefeitura realiza 2º seminário da Ronda Escolar na UERJ


Evento reuniu guardas de outras cidades


Com o intuito de promover a capacitação dos guardas municipais e uma proteção na vida das crianças e adolescentes do município, aconteceu nesta quarta-feira (23) o 2º Seminário da Ronda Escolar, com o tema “Segurança Preventiva: Desafio e Possibilidades”. O evento foi promovido pela Prefeitura de São Gonçalo, através da Guarda Municipal, Secretaria de Educação e demais interfaces da rede, trazendo guardas de diversos municípios vizinhos a participar, como: Itaboraí, Niterói, Rio de Janeiro, Iguaba, Mesquita, Mangaratiba, Cabo Frio, Guapimirim e Teresópolis.

Na palestra foram abordados temas para combater o racismo institucional e a influência no contexto familiar, medidas para a diminuição dos conflitos escolares e a importância do Grupamento de Ronda Escolar (GERE) nos locais de ensino. Participaram da mesa de debates o prefeito José Luiz Nanci, o comandante da Guarda Municipal de São Gonçalo, Carlos Machado, o secretário municipal de Segurança Pública, Felipe Brito, entre outras autoridades.

O GERE, desde 1998, vem atuando nas escolas de forma preventiva, implementando uma cultura de paz, através de um olhar humanizado, com rondas diárias para coibir qualquer ato infracional cometido pelos alunos ou contra eles, dando suporte à direção das escolas. O intuito é de garantir os direitos constitucionais e fundamentais dos alunos e de seus respectivos responsáveis.

- Queremos buscar a proteção do adolescente. Realizamos um trabalho preventivo que evite a criança chegar até o crime e se já estiver, resgatá-la. Estamos implementando uma cultura para trazer os direitos individuais, fazer com a dignidade das crianças e adolescentes sejam respeitadas, através de palestras educativas e outros tipos de interação com as crianças, adolescentes e, também, as famílias, uma vez que muitas vezes grande parte do problema encontrado estava dentro de casa - afirma Andrea Rosa, coordenadora do GERE.

A Ronda Escolar já possui cinco projetos ativos que são: “Momentos de Saber”, teatro de fantoche, “Motoristas do Amanhã”, “Papo Reto”, “Sinal Verde” e “Vem que Tem”. Além disso, neste ano de 2019 pretende inserir mais dois no cronograma: o “Patrulheiros Maria da Penha”, uma capacitação para identificar a violência doméstica, e o projeto “Anjo da Guarda”, mudança no paradigma de adolescentes que cumprem medidas socioeducativas.

A comandante da Guarda Municipal do Rio de Janeiro e Inspetora Geral, Tatiana Mendes, foi uma das convidadas a participar da mesa do evento e alegou a importância da ação da equipe no município:

- São Gonçalo é um dos maiores do estado e esse evento é fundamental pela troca de informações, a troca de conhecimento das guardas de outros municípios que participaram. É um intercâmbio com o objetivo de cuidar do futuro das crianças do município. A guarda municipal tem um papel de prevenção na sociedade, pois quer a diminuição da violência pela raiz. E nós do Rio de Janeiro prometemos estar juntos no que precisar - avalia.

#CIDADE #SÃOGONÇALO #RONDA #GUARDAMUNICIPAL #JOSÉLUIZNANCI

MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon