O coiso acordou, por Mário Lima Jr.