Buscar

Venceu o Fluminense e o futebol, por Victor Machado


O futebol para muitos ainda é o “maior espetáculo da Terra” e esse é um dos motivos pelo qual as pessoas ainda se apaixonam por esse esporte. Grêmio 4 x 5 Fluminense, pela 3ª rodada do Brasileirão, em Porto Alegre (RS), foi épico, com reviravoltas no placar e o improvável em campo. O Grêmio do já consagrado técnico Renato Gaúcho favorito da partida jogando em casa e o Fluminense do ousado comandante Fernando Diniz trocaram passes desde a defesa, sempre buscaram tomar a iniciativa do jogo e nunca desistiram. Queriam o gol. Venceu o Fluminense e o futebol, com o verde da esperança de dias melhores.

Abel sobrevive no Flamengo

Diante do empolgado time do São Paulo, no Morumbi, o técnico rubro negro Abel Braga escalou uma equipe reserva, visando poupar os titulares para a decisão da vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores no Uruguai contra o Peñarol. A lógica do futebol (que definitivamente não existe) apontava para um massacre do tricolor paulista. Não foi isso que aconteceu. O Flamengo saiu na frente e cedeu o empate somente nos minutos finais, comemorando o improvável ponto conquistado.


Botafogo fez dever de casa

Na vitória de 1 a 0 contra o Fortaleza, no estádio Nilton Santos, o Botafogo fez um jogo equilibrado. Mas em momento algum foi superior ao adversário que ainda reclamou um pênalti não marcado pela arbitragem. Boa vitória para embalar.

Lucro e lanterna

O Vasco ganhou R$ 500 mil e 1 ponto no empate contra o Corinthians em Manaus. Jogar longe da torcida comprovadamente não é um bom negócio para quem briga na parte de baixo da tabela. A crise continua.


#RESENHADAKI #VICTORMACHADO #VASCO #FLAMENGO #FLUMINENSE #BOTAFOGO

MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon