Nanci debate ações sociais para jovens no Tribunal de Justiça


Durante a reunião, foi discutida a proposta de parceria entre os poderes Judiciário e Executivo


O prefeito José Luiz Nanci participou, nesta segunda-feira (27), de uma reunião com a Comissão de Articulação de Programas Sociais (COAPS) do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, junto com os demais representantes do Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento do Leste Fluminense (Conleste). O encontro aconteceu na sede do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) e teve como objetivo debater e viabilizar projetos sociais desenvolvidos para jovens no mercado de trabalho.

- Nós, enquanto governo, precisamos pensar nesses jovens que já concluíram o período de acolhimento institucional, proporcionando a eles a oportunidade de seguirem caminhando sozinhos, a partir de um emprego. Será de grande importância, nessa fase da vida, eles terem um espaço onde eles possam ter condições de estabelecer e qualificarem suas vidas - afirmou José Luiz Nanci, prefeito de São Gonçalo.

Durante a reunião, foi discutida a proposta de parceria entre os poderes Judiciário e Executivo para auxiliarem os jovens e adolescentes assistidos pelas Varas da Infância, Juventude e do Idoso do TJRJ, a conquistarem o primeiro emprego. Por terem cometido infrações e morarem em abrigos, essa parcela da população sofre mais dificuldades e preconceitos para conseguir uma vaga de trabalho.


Atualmente, São Gonçalo atende adolescentes de instituições de acolhimento, inseridos no projeto Jovem Aprendiz. Para a secretária de Desenvolvimento Social, Marta Maria Figueiredo, que também participou da reunião, é importante promover qualidade de vida e garantia de direitos.

- Essas pessoas estão começando a vida adulta e já encontram muitas dificuldades pelo caminho. Estamos aqui para lutar pela garantia de direitos e por políticas públicas que garantam direitos a esses jovens, cheios de sonhos para realizarem - disse Marta.

#CIDADE #SÃOGONÇALO #SMDS

MALUGA_2.jpg
QV1.jpg
Banner_300x250_Homem.gif