Buscar

A vida de Ted Blackburn, por Fábio Rodrigo



Ele finalmente acordou. Havia saído de coma profundo que durou exatos trinta anos. Um acidente de carro o deixou em estado de morbidez total durante todo este tempo. Após responder aos estímulos médicos, toda a equipe que o acompanhava comemorou muito. Não era pra menos. Milhões foram gastos a fim de alcançar este grande objetivo. Profissionais da saúde escolhidos a dedo se dedicaram exclusivamente para salvar a vida de Ted Blackburn.

Ted Blackburn era cientista da Universidade da Califórnia e desenvolvia uma pesquisa que, para muitos, seria uma das maiores descobertas da humanidade. Será ele o portador de uma verdade em segredo? Pesquisadores das principais universidades do mundo são unânimes em dizer: salvar a vida de Ted Blackburn é salvar o planeta. “Não podemos pagar o preço de perder o seu conhecimento”, disse outro cientista da mesma universidade. Não havia outra preocupação no mundo científico se não a vida de Ted Blackburn.


Durante os trinta anos de coma, Ted Blackburn estava internado em um hospital de referência da costa oeste americana. Cuidados com sua alimentação, fisioterapia e cirurgias bem-sucedidas deixavam todos esperançosos em reavivá-lo. Profissionais do mais alto gabarito trabalharam incansavelmente para salvar a vida de Ted Blackburn. Ninguém tinha dúvida de que todo o esforço não seria em vão. E não era qualquer vida a ser salva. Era a vida de Ted Blackburn.


A felicidade de toda a equipe médica não estava completa. Faltava ainda reativar a consciência do nobre cientista. E não seria uma tarefa simples. Todos estavam cientes de que isto demandaria tempo. Novos investimentos serão feitos. Novos profissionais médicos farão parte da equipe. Afinal, o que está em jogo é a vida dele: de Ted Blackburn.

Fábio Rodrigo Gomes da Costa é professor e mestre em Estudos Linguísticos.




MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon