Alerj lança frente parlamentar pela democratização da comunicação

Ideia é valorizar e fortalecer mídias comunitárias e alternativas

Foto: Marcos Serra Lima/G1
Foto: Marcos Serra Lima/G1

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) lança nesta terça-feira (22/06), às 19 horas, a Frente Parlamentar Pela Democratização da Comunicação, com transmissão pela TV Alerj. O Objetivo da Frente é construir, em conjunto com movimentos, organizações e coletivos do setor estratégias para viabilizar melhorias na área da comunicação.


"A Frente foi construída por parlamentares, suas assessorias, coletivos e entidades da sociedade civil. É importante que a Frente atue pela valorização das mídias comunitárias e alternativas que fazem um trabalho importante, mas têm poucas oportunidades de angariar parcelas de recursos que governos e órgãos públicos destinam à publicidade institucional, importantes para sustentar este setor. A Alerj já tem lutas importantes nesta pauta e vai consolidá-las através desta Frente Parlamentar", afirmou o deputado Waldeck Carneiro (PT), presidente da Frente.]


A Frente Parlamentar conta ainda com com os deputados Enfermeira Rejane (PCdoB), Carlos Minc e Rubens Bomtempo (ambos do PSB), Flávio Serafini, Renata Souza, Mônica Francisco, Dani Monteiro e Eliomar Coelho (que integram a bancada do PSOL na Alerj).


Foram convidados a participar do evento, o Fórum Nacional Pela Democratização da Comunicação (FNDC); a Associação Brasileira de Imprensa (ABI); a Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ); o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro; o movimento Fica, EBC!; o Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé; o Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGIbr); a Frente Ampla pela Liberdade de Expressão (Fale Rio); o Portal Favelas; a Associação das Rádios Comunitárias do Rio de Janeiro (ARCO/RJ); a TV Comunitária de Niterói; o Comunicativistas e o Jornalistas Livres.


MALUGA_2.jpg
QV1.jpg
Banner_300x250_Homem.gif