Atos ‘Fora Bolsonaro’ são confirmados em 261 cidades neste sábado (3)

O #3J também irá ocorrer em cidades fora do país

Denúncias de corrupção devem turbinar ainda mais as manifestações/Foto: Reprodução Internet
Denúncias de corrupção devem turbinar ainda mais as manifestações/Foto: Reprodução Internet

Com a palavra de ordem “Fora Bolsonaro”, ao menos 261 cidades do Brasil e do exterior já confirmaram atos neste sábado (3) para exigir o impeachment de Jair Bolsonaro. Esta será a terceira manifestação nacional após os atos realizados em 29 de maio e 19 de junho.


Como nos protestos anteriores, movimentos sociais e populares, sindicatos, organizações feministas e da juventude encabeçam o levante em defesa também da vacinação contra a covid-19 e do auxílio emergencial de R$ 600 até o fim da pandemia. Inicialmente previsto para o dia 24, as manifestações foram antecipadas pela Campanha Fora Bolsonaro diante das recentes revelações feitas pela CPI da Covid no Senado, que colaram Bolsonaro à denúncia de corrupção na compra superfaturada da vacina indiana Covaxin. Ao longo desta semana, surgiu ainda um novo escândalo de propina envolvendo também a aquisição de imunizantes.


Denúncias e crimes

De acordo com o policial militar e representante da empresa Davati Medical Supply, Luiz Paulo Dominguetti Pereira, o diretor de Logística do Ministério da Saúde, Roberto Ferreira Dias, teria pedido propina de U$S 1 por dose para fechar contrato com a pasta. As revelações aumentam o desgaste do presidente e aceleram o processo de mobilização por sua saída, inclusive com a adesão de outros espectros políticos do centro à direita.


Uma unidade entre distintas correntes já havia marcado a entrega do chamado “superpedido” de impeachment nesta quarta (30) na Câmara dos Deputados. Puxado pela esquerda, o pedido de afastamento de Bolsonaro também contou com o apoio até de ex-aliados do presidente, como os deputados Alexandre Frota (PSDB-SP) e Joice Hasselmann (PSL-SP).


Segurança e cuidados nos atos ‘Fora Bolsonaro’

Os movimentos que organizam os protestos reforçam as medidas de precaução para evitar os riscos de contaminação pela covid-19. A orientação é usar máscara o tempo todo (PFF2, de preferência), guardar distância mínima de 1,5 metro dos outros manifestantes e usar álcool em gel 70º nos atos #3J.


A segurança sanitária, conforme apontam os organizadores, é essencial para que a população brasileira continue pressionando o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), a dar andamento ao processo de impeachment de Bolsonaro. Em nota, o vice-presidente da CUT, Vagner Freitas, destacou que “sábado é o dia mais importante das manifestações, inclusive para ancorar a entrega do superpedido de impeachment”.


“As denúncias de corrupção e as mortes que poderiam ter sido evitadas, se o governo tivesse comprado vacina rapidamente, merecem um basta. Todos sabem que a culpa por essa tragédia e esse desgoverno é de Bolsonaro”, destacou o dirigente.


Atos confirmados para o #3J


Sudeste


São Paulo

  • Amparo – Em frente à prefeitura | 10h

  • Araçatuba – Praça Rui Barbosa | 10h e Carreata na Praça Olímpica | 10h

  • Bauru – Praça Rui Barbosa | 9h

  • Botucatu – Largo São José | 14h

  • Campinas – Largo do Rosário | 10h

  • Carapicuíba – Bairro Cidade Ariston (Início da Av. Dante Carraro) | 10h

  • Cotia – Praça da Matriz | 13h

  • Guaratinguetá – Praça da Estação | 10h

  • Jacareí – Pátio dos Trilhos | 9h30

  • Jaguariúna – Praça Umbelina Bueno | 10h

  • Jundiaí – carreata no Paço Municipal | 9h30 e ato na Ponte Torta | 11h

  • Limeira – Av Maestro Xixirri (próx. ao Campo do Galo) | 9h30

  • Osasco – Em frente à Estação de Osasco (ato segue rumo a Av. Paulista) | 12h30

  • Piracicaba – Mercadão Municipal | 9h

  • Praia Grande – Praça 19 de Janeiro | 10h

  • Ribeirão Preto – Esplanada Teatro Pedro II | 9h

  • Salto – Praça XV de Novembro | 15h

  • São Carlos – Arredores do Mercadão | 10h

  • São João da Boa Vista – Praça Coronel José Pires | 15h

  • São José do Rio Preto – Em frente à prefeitura | 14h30

  • São Paulo – Masp, Avenida Paulista | 15h

  • Sorocaba – Carreata em frente à prefeitura | 9h

  • Suzano – Praça dos Expedicionários | 10h

  • Vinhedo – Praça Sant’Anna | 11h

Minas Gerais

  • Barbacena – Praça São Sebastião | 9h30

  • Belo Horizonte – Praça da Liberdade | 14 h

  • Brumadinho – Na avenida esquina com a Quintino Bocaiúva | 9h

  • Campo Belo – Praça dos Expedicionários | 10h

  • Caxambu – Carreata Ginásio Poliesportivo Jorge Cury | 9h30

  • Congonhas – Feira do Produtor Rural | 7h30

  • Conselheiro Lafaiete – Praça Tiradentes | 13h

  • Divinópolis – Rua São Paulo com Primeiro de Junho | 9h

  • Formiga – Praça da Matriz | 19h

  • Governador Valadares – Mercado Municipal | 10h

  • Ipatinga – Praça 1º de Maio | 9h

  • Itabira – Rodoviária | 10h

  • Itajubá – Praça Wenceslau Braz | 11h

  • Itaúna – Praça da Matriz | 09h

  • João Monlevade – Praça do EPA (Cruzeiro Celeste) | 9h30

  • Juiz de Fora – Parque Halfeld | 10h

  • Mariana – Central | 10h

  • Montes Claros – Praça Dr. Carlos | 09h

  • Oliveira – Praça São Sebastião | 10h

  • Ouro Branco – Canteiro Central da Av. Mariza | 10h

  • Ouro Preto – Caminhada Terminal Turístico do Veloso | 9h30

  • Passos – Estação Cultura | 15h

  • Patos de Minas – Praça do Coreto | 10h

  • Poços de Caldas – Passeata Coreto (Praça Pedro Sanches) | 15h

  • Pouso Alegre – Praça da Catedral | 10h

  • Ribeirão das Neves – Banco do Brasil Lagoinha | 9h

  • Sacramento – Praça do Perpétuo Socorro | 9h

  • São João del Rei – Teatro Municipal | 10h

  • Sete Lagoas – Praça Tiradentes | 9h

  • Tiradentes – Em frente à matriz | 10h

  • Ubá – Praça Guido | 09h

  • Uberaba – Praça Rui Barbosa | 10h

  • Uberlândia – Praça Ismene Mendes | 9h30

  • Varginha – Praça do ET | 10h

  • Viçosa – Saindo da UFV | 9h30

Espírito Santo

  • Vitória – Ufes | 14h

Rio de Janeiro

  • Rio de Janeiro – Monumento Zumbi | 10h

  • Barra Mansa – Praça da Matriz | 11h

  • Campos – Praça São Salvador | 9h

  • Macaé – Praça Veríssimo de Mello | 9h30

  • Miguel Pereira – Em frente à Fornemat | 11h

  • Nova Iguaçu – Praça dos Direitos Humanos via Light esquina com Dom Walmor | 9h

  • Paty dos Alferes – Praça George Jacob Abdue | 9h

  • Petrópolis – Praça da Inconfidência | 11h

  • Saquarema – Praça do Coração | 15h