Começa julgamento de PM que matou Ana Clara em Pendotiba: família clama por Justiça

Por *Maria de Lourdes Nogueira

O Rolé de hoje começa com a notícia de que a Câmara de Vereadores de São Gonçalo votou nesta quarta-feira (26) Projeto de Lei que instituiu o Dia de Combate ao Genocídio da Juventude Negra no município. O vereador professor Josemar (PSOL) é o autor do PL.


A data escolhida para essa reflexão e conscientização foi o dia 18 de maio, data que marca a morte do jovem João Pedro Mattos Pinto, assassinado durante uma ação policial no Complexo do Salgueiro em 2020. A proposta foi aprovada por 24 dos 28 vereadores (Jornal Daki).


Pela A Tribuna, nesta quinta-feira (27), a partir das 13h, aconteceu a audiência de instrução e julgamento relacionada à morte da menina Ana Clara Gomes Machado, de 5 anos, em fevereiro deste ano, na comunidade Monan Pequeno, região de Pendotiba, em Niterói. O réu é o policial militar Bruno Dias Delaroli, lotado no 12° BPM (Niterói), suspeito de ter feito o disparo que matou a criança. O processo corre na 3ª Vara Criminal de Niterói.


O diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, disse em depoimento à CPI da Covid nesta quinta-feira (27), que o Brasil poderia ter sido o primeiro país do mundo a vacinar a população contra a Covid-19, mas que não conseguiu a imunização por conta de atrasos do Ministério da Saúde em relação aos contratos (O São Gonçalo).


Através do Maricá Info, na noite desta quarta-feira (26/05) a Prefeitura de Maricá divulgou o novo calendário de vacinação contra a Covid-19, que será retomada nesta quinta-feira (27) e vai até o sábado (29), cumprindo a 18ª semana vacinal. Desta vez, os professores das redes pública, privada e dos de Ensino Superior, além do EJA, poderão se vacinar, excepcionalmente, nesta quinta e sexta-feira nas Unidades Volantes de Vacinação (UVVs).


Encerrando o Rolé de hoje, morreu nesta quinta-feira (27), aos 96 anos, Nelson Sargento, baluarte da Mangueira. Ele estava internado desde a última sexta-feira (21) no Inca (Instituto Nacional de Câncer) após testar positivo para Covid-19. Nesta quarta-feira, a família tinha anunciado que seu estado de saúde era "gravíssimo", já que, além do coronavírus, ele também estava em tratamento de um câncer de próstata. Ele deixa a mulher, Evonete Belizario Mattos e nove filhos (seis biológicos e três adotados) (Jornal Daki).


Estagiária.


MALUGA_2.jpg
QV1.jpg
Banner_300x250_Homem.gif