Buscar

Covid-19: Casos aumentam e São Gonçalo amplia número de leitos nos hospitais

Município também intensifica medidas de isolamento social e de combate ao Coronavírus

Depois de reunião para debater o problema, prefeito anunciou medidas mas restritivas na cidade/Foto: Divulgação

Em virtude do aumento do índice de contaminação pelo coronavírus em São Gonçalo, o prefeito José Luiz Nanci publicou Decreto 342/2020, nesta quinta-feira (19), intensificando as medidas de combate à doença e adequando a circulação de pessoas nos estabelecimentos comerciais.


A Secretaria Municipal de Saúde também está ampliando o número de leitos de enfermaria e de Centros de Terapia Intensiva (CTI) nos hospitais que atendem pacientes com Covid-19. O isolamento social vigora até o dia 27 deste mês, podendo ser prorrogado.


- As determinações publicadas têm como objetivo resguardar a vida dos gonçalenses e conter a propagação do coronavírus na cidade. Ontem (19) realizamos reunião na Secretaria de Saúde, com a presença de técnicos da Divisão de Vigilância Epidemiológica, Procuradoria e Gabinete, e decidimos que a melhor alternativa neste momento é recuar um pouco. O decreto pode ser prorrogado caso não ocorra a diminuição do número de casos confirmados - explica Nanci.


Dentre as medidas, a Prefeitura decretou a diminuição do fluxo de clientes dentro dos estabelecimentos comerciais, que poderão funcionar com dois terços de sua capacidade, ficando impedida a circulação de crianças menores de cinco anos. Fica proibida a realização de eventos e de qualquer tipo de atividade com presença de público que envolva aglomeração de pessoas, tais como eventos desportivos com público, show, comício e passeata. Desta forma, devem permanecer fechados os setores de turismo, cultura, lazer, educação, igrejas e centros religiosos, academias e congêneres.


Aos estabelecimentos autorizados a funcionar, fica vedada permanência continuada após o check-out e aglomeração de pessoas nestes locais. Continua obrigatório o uso de máscaras faciais para todos os trabalhadores vinculados aos estabelecimentos comerciais e industriais, e seus respectivos clientes, devendo o estabelecimento, obrigatoriamente, oferecer álcool em gel 70%.

Os shopping centers, centros comerciais e galerias poderão funcionar no horário de 10h às 22h, seguindo as seguintes determinações: oferecer EPIs a seus funcionários, álcool em gel à clientela, exigir à mesma uso de máscara e garantir que apenas 2/3 do espaço seja ocupado simultaneamente entre outros cuidados.


As unidades de saúde pública e privada, incluindo clínicas odontológicas e fisioterápicas, continuam funcionando, também seguindo os cuidados de higiene e distanciamento. Assim como as autarquias da Prefeitura, que ficarão abertas, eventualmente com algumas restrições.


Leitos Covid-19

A secretaria de Saúde abriu mais seis leitos de CTI no Hospital Franciscano Nossa Senhora das Graças, em Lagoinha, e outros quatro no Retaguarda Gonçalense, no Centro. Todas com infraestrutura necessária, como respiradores e monitores.

O Hospital Retaguarda tem 32 leitos de enfermaria e 17 de CTI. Na próxima semana a secretaria de Saúde irá abrir o segundo andar da unidade criando mais 40 leitos de enfermaria e 30 de atendimento intensivo.

O Hospital Franciscano possui 35 leitos de enfermaria e 20 de CTI.

O Pronto Socorro Central, no Zé Garoto, está com 12 leitos de enfermarias e outros sete de CTI. Todos ocupados.


MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon