Escória da internet ataca Vitórya Melissa por ela ter sido Vitórya Melissa

Por *Maria de Lourdes Nogueira

O Rolé de hoje começa com o Toda Palavra. A Polícia Civil do Rio de Janeiro montou uma força-tarefa para apurar as circunstâncias do desabamento do prédio na comunidade de Rio das Pedras, na Zona Oeste do Rio, na madrugada de quinta-feira (3), e a participação de milicianos em construções irregulares na região. Nesta sexta (4), a Polícia Civil informou que foi tomado depoimento de um homem que se identificou como dono do prédio de cinco andares que desabou, deixando duas pessoas mortas e quatro feridas. Policiais civis estiveram na comunidade e conversaram com testemunhas e vítimas. A perícia no local começará a ser feita assim que os bombeiros liberarem a área.


Um dia após sua morte, a jovem Vitórya Melissa Mota, de 22 anos, teve suas redes sociais tomadas por ataques por conta de suas preferências políticas. Ela morreu, na última quarta-feira (2), após ser esfaqueada no interior do Plaza Shopping, Centro de Niterói (Plantão Enfoco).


Pelo O São Gonçalo, o empresário e missionário Romildo Ribeiro Soares, de 73 anos, conhecido popularmente como R.R. Soares foi internado no Hospital Copa Star, no Rio de Janeiro, com Covid-19, segundo o jornal O Globo. R.R Soares é líder da Igreja Internacional do Reino de Deus e considerado mentor por alguns membros do alto escalão do governo de Jair Bolsonaro.


Em entrevista coletiva concedida nesta quinta-feira (03), no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), após a realização do treino de apronto para a partida contra o Equador pelas Eliminatórias Sul-americanas da Copa do Mundo, o técnico Tite insinuou que a seleção brasileira pode não disputar a Copa América. Desde então, o treinador vem sendo alvo de críticas nas redes sociais, ocupando o top trending no Brasil com a hashtag #foratite. De acordo com A Tribuna verifica-se, nas redes sociais, que o movimento está sendo associado à apoiadores do presidente Jair Bolsonaro, entusiasta da realização da Copa América em solo nacional.


Um homem se afogou após salvar o próprio filho na Praia de Cordeirinho, em Maricá, nesta quinta-feira (03). A vítima, Marcelo Alves de Matos, de 48 anos, foi resgatada e recebeu os primeiros socorros dos agentes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e dos Bombeiros do Destacamento de Maricá. (Maricá Info).


Encerrando o Rolé de hoje, no O Fluminense, o SuperaRJ vai beneficiar mais de 355 mil famílias, cerca de 1,4 milhão de pessoas que vivem na pobreza e extrema pobreza e que perderam os empregos durante a pandemia da Covid-19. Nessa primeira etapa, 42.569 famílias já começam a receber, no próximo sábado (5).


Estagiária.



MALUGA_2.jpg
QV1.jpg
Banner_300x250_Homem.gif