Buscar

Estamos perdidos, por Helcio Albano


Na semana passada gritei bem alto aqui nesta Coluninha: “Não dá mais!” Referia-me à tragédia que nos assola e que governa esse país.


O Coronavírus já era uma realidade planetária como pandemia, finalmente reconhecida e decretada como tal na segunda (9) pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Países da Europa foram duramente afetados, e a Itália é hoje o que mais sofre com o Covid-19, superando até a China, de modo proporcional, em casos de letalidade, sobretudo de idosos e pacientes imunodeprimidos.


Desde a quarta-feira de cinzas, quando foi confirmado o primeiro caso de infecção no Brasil de uma pessoa vinda da terra de Maquiavel, o Ministério da Saúde, o único que ainda não foi vítima da fúria insana da falange bozoliana, vem se esforçando, via SUS, em criar protocolos de atuação das equipes de saúde em todo o território nacional, dada a inevitabilidade da circulação do vírus no país e, por conseguinte, da ocorrência de contágios e mortes que certamente virão.


Fico só no caso sanitário, nem entro no mérito do impacto na economia.


Pois bem, além da troça que fez do fato gravoso, bozoliro (infectado?) e turma dão mostras cabais à nação de não terem a menor condição de liderar uma reação e evitar efeitos ruinosos dessa crise à população.


Com bozo, estamos perdidos.

Plus

O bozo 03 elevou o Brasil a um nível acima do vexame nesta sexta-feira 13.


A emissora estadunidense Fox News, porta-voz de Trump e da direita norte-americana, noticiou que o bozoliro havia testado positivo para o coronavírus em contra-prova, usando o próprio 03 e seu assessor como fontes da informação.


Escaldados com os métodos bozolianos, nenhuma grande mídia repercutiu a Fox, apenas o grupo carioca O Dia.


Horas depois, via Twitter [é claro] bozoliro, bananoso, num português de mau uso, à la 02 e Weintraub, anunciou teste negativo e acusou a "extrema-imprensa" de espalhar fakenews.


Rapidamente sobem as hastags #ImprensaLixo e #ImprensaMente.


John Roberts, jornalista experiente que reportou a notícia na Fox, veio a público e bancou a informação que dera. Um vídeo da Fox com o próprio 03 confirmando a informação, em inglês trôpego, circulou nas redes, desmoralizando não só o mentiroso, mas o Brasil inteiro.


Por fim, 03 manteve o ônus da 'falsa' informação à emissora, com um patético "erros acontecem".


E, fato inédito, bozoliro fez um terceiro exame para testar o corona.


É o hospício.


Bônus

Gustavo Bebianno, portador de muitos segredos da família bozoliro, morreu na madrugada deste sábado (14). Infarto fulminante, diz a imprensa.


O desaparecimento ocorre pouco mais de um mês da morte de um outro arquivo da família, o miliciano Adriano da Nóbrega, parça do 01, e no dia do aniversário de 2 anos das execuções de Marielle e Anderson.


Tudo uma enorme coincidência.


Te cuida, Queiroz!

Helcio Albano é jornalista e editor-chefe do Jornal Daki.




MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon