Buscar

Familiares de militares carbonizados próximos de verem assassinos na cadeia


O Rolé começa com uma boa notícia e um fato raro de acontecer: "DH pede prisão de assassinos de militares em SG" (Plantão Enfoco). A Polícia finalizou o inquérito e irá enviar ao Ministério Público. Os jovens foram mortos e carbonizados no dia 13 de julho. Não é comum um caso de homicídio ser elucidado tão rapidamente no Rio de Janeiro, um dos etados com pior índice de elucidação de crimes desse tipo, de pouco mais de 5%.


Mais um caso de feminicídio: "Policial militar reformado preso acusado de matar a mulher na Região dos Lagos" (A Tribuna).


Um policial militar reformado, de 72 anos, identificado como Mário Calixto, foi preso no último sábado (15), acusado de crime de feminicídio, ao matar a mulher a tiros em Arraial do Cabo. O casal residia em Maricá e estava passando o fim de semana no município da Região dos Lagos. O militar se entregou horas após o crime, em Araruama. Policiais não divulgaram a identificação da vítima.

Sabe a greve dos vigilantes? Então. Após 29 dias de greve, os vigilantes do Estado do Rio de Janeiro decidiram suspender a greve e aguardar o julgamento do Dissídio Coletivo de Greve pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT). E para marcar o fim da greve, a categoria realizou manifestações na Avenida Ernani do Amaral Peixoto, principal corredor financeiro de Niterói (O Fluminense).


No Pacheco, um homem foi morto, na madrugada desta segunda-feira (17), durante perseguição policial. De acordo com a Polícia Militar, eles passavam pela Estrada São Pedro, quando suspeitaram de quatro homens em um veículo Sandero. Durante a ação, houve perseguição policial e os criminosos perderam o controle do veículo (O São Gonçalo).


E no Catarina, pelo segundo dia consecutivo, foi realizada ação de retirada de barricadas no bairro (Plantão Enfoco). No sábado a PM reprimiu o 'Pistão do Las Vegas', baile funk que ocorre ao arrepio do poder público.


Sem saber como será o Carnaval em 2021, a Viradouro demite. A atual campeã do Carnaval carioca, a Unidos do Viradouro, anunciou uma série de demissões, na tarde desta segunda-feira (17). Segundo à presidência da escola de samba, as decisões administrativas são em virtude do cancelamento ou adiamento do Carnaval 2021 (O Fluminense).


Com essas notícias, encerramos o Rolé às 19h13.


Boletim Covid-19 atualizado segundo dados consolidados da Secretaria de Estado de Saúde (SES) do Rio de Janeiro em 17 de agosto. O números do SES eventualmente diferem dos números dos municípios.



MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon