Buscar

Fluxo de consciência, por Fábio Rodrigo


Capa icônica do álbum 'Nevermind' do Nirvana/1991

Era o dia mais esperado da sua vida. Chegara aos trinta anos e realizara seu maior sonho: casar. Após o “sim”, ele e sua noiva foram recebidos pelos convidados, que ansiosamente os aguardavam para celebrar esta data tão especial. Comeu e bebeu à vontade. Afinal era seu grande momento. Exagerou tanto na bebida e na comida que, no dia seguinte, não conseguiu se levantar da cama. Não estava se sentindo bem. A idade chegara e sabia que não podia abusar da sua saúde. Agora era um sexagenário e não podia dar mole. Foi então ao seu médico de confiança em busca de uma avaliação segura. Chegou lá acompanhado de seus pais. Após ser examinado, o médico lhe pediu vários exames e lhe explicou que a cirurgia de fimose aos dez anos é bastante comum. Não precisava se preocupar, pois seria um procedimento simples. Saiu do consultório e, como havia faltado à escola para ir à consulta, foi direto para casa. Precisava estudar muito para a prova de domingo. Esforçara-se muito nos estudos para obter a recompensa: a tão sonhava vaga na universidade. Completara dezoito anos e tinha que escolher qual carreira seguir. Ficou extasiado ao sair sua dispensa do serviço militar. Não queria servir de jeito algum. Queria mesmo se dedicar à sua empresa, que, aliás, passava por um grande momento financeiro. Era agora um homem respeitado não só pela sua liderança mas também pelo homem íntegro que era. Além de um profissional correto, era extremamente dedicado à sua família. Seus filhos estavam bem encaminhados na vida. O que ele mais queria era acompanhar o crescimento dos netos. Chegara aos oitenta anos em condições financeiras invejáveis. Desfrutava deste momento realizando várias viagens com sua esposa. Em uma destas idas e vindas, conheceu Júlia, uma adolescente como ele. Encantou-se com a jovem menina. Marcaram para se encontrar num shopping. Foram juntos ao cinema. Deu o seu primeiro beijo. Pediu a seu pai o carro emprestado para sair com sua namoradinha. Tinha uma festa na casa de um de seus amigos e não tinha hora para voltar. Saiu de lá de madrugada. Por dirigir alcoolizado, perdeu a direção do carro e chocou contra um poste. Foi parar no hospital. Lá, sua mãe havia saído da sala de cirurgia. Ele, claro, não se recorda de nada, pois acabara de nascer.

Fábio Rodrigo Gomes da Costa é professor mestre em Estudos Linguísticos.






MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon