Buscar

Garotada da creche Jardim Bom Retiro se diverte na biblioteca

Cerca de 25 crianças participaram da visita

Dando continuidade ao "Projeto Brinca Comigo", a Biblioteca Municipal Genebaldo Rosa recebeu, na última segunda-feira (18), a visita da creche Obra Comunitária Jardim Bom Retiro, situada no bairro de mesmo nome. O objetivo do programa, promovido pela Subsecretaria de Ações Pedagógicas, através da Secretaria Municipal de Educação, é proporcionar as crianças um momento diferente de aprendizado fora da sala de aula, oportunizando o contato com o acervo de livros, áreas e serviços disponíveis e o conhecimento sobre a finalidade da biblioteca.

Cerca de 25 crianças participaram da visita e puderam conhecer o acervo de livros infantis, que já está disponível em estantes especialmente preparadas para atender aos pequenos leitores. A biblioteca conta com clássicos de autores brasileiros consagrados como Monteiro Lobato e Ana Maria Machado, entre outros.  


Durante a narração, com tamanho entusiasmo e espontaneidade, os alunos interagiram com a professora e contadora de história Júlia Dekid, muitas vezes com perguntas e em outras ocasiões avisando a Chapeuzinho Vermelho para tomar cuidado com o Lobo Mau. 

- Um dos pontos imprescindíveis para o processo de alfabetização das crianças são as bibliotecas. É fácil notar a animação dos alunos ao saber que farão uma visita ao local. Principalmente na Educação Infantil, quando tudo é descoberta, a mudança  do ambiente físico e a aproximação com o universo mágico dos livros acaba despertando no estudante um interesse diferenciado pela cultura letrada. Por isso a visita à biblioteca é de extrema importância antes, durante e após a alfabetização do aluno - declarou Gisele Herdy Dutra, subsecretária de Ações Pedagógicas.


De acordo com a responsável da creche, Isabela Góes, muitas crianças nunca foram antes até uma Biblioteca Pública, sendo esta, portanto, uma chance que eles têm de vivenciar uma experiência nova e de obter diferentes referências de ensino. “Por meio desse primeiro contato, nossa intenção é motivar os alunos e incentivá-los a adentrar no universo da leitura. Durante a visita, eles ficam animados e demonstram interesse nos livros e nas histórias contadas. Os alunos percebem que a biblioteca é aberta à população e que é possível visitá-la novamente junto com os pais e familiares”, comentou.


MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon