Buscar

Leblon e Nova Cidade do jeito que o Corona gosta


Começamos o Rolé desta sexta (3) repercutindo os 'inocentes do Leblon', que ontem (2) lotaram os bares do bairro, no primeiro dia de retorno às atividades autorizadas pelo bispo Crivella. As imagens da gente dourada da zona sul socializando a valer, sem máscaras, como se não houvesse amanhã, escandalizou os incautos. Bobagem. Do outro lado da poça, em São Gonçalo, a rapaziada descobriu a vacina e ninguém sabia.


Saca manchete de O São Gonçalo: "Gonçalenses desafiam o vírus e lotam bar em Nova Cidade". Na noite desta quinta-feira (2), em São Gonçalo, onde bares já estão liberados há mais tempo, lembra o jornal, um restaurante da cidade realizou um evento em plena pandemia, em um momento em que o município registra 4.925 casos confirmados de coronavírus com 399 óbitos confirmados.

Nas imagens que circulam na internet, é possível ver o bar completamente lotado, desrespeitando a regra de 30% de lotação. Em vídeos nas redes sociais, é possível escutar música alta, mesas lotadas e pessoas tendo de ficar do lado de fora do bar por falta de espaço.

Nas redes sociais, diversas pessoas se posicionaram contra a aglomeração no bar.


Enquanto isso, aquele que está na presidência da república sancionou lei que obriga uso máscara em locais públicos e privados (A Tribuna), mas com um detalhe homicida: vetou artigo da obrigatoriedade do uso em igrejas, escolas e no comércio. Também vetou a entrega de máscaras a pessoas em situação de vulnerabilidade social.


A mesma Tibuna traz o desabafo do professor do Colégio La Salle Abel, vítima de racismo em uma aula online de história que ministrava no dia 18 de junho. A vítima tem nome e sobrenome: José Nilton Júnior, que além de qualificações e especializações na temática racial, nunca tinha passado por preconceito no ambiente escolar.


Finalizamos o Rolé, às 18:12 horas, com a notícia publicada pelo O São Gonçalo de que, Pelado, homem invade balsa na Baía de Guanabara com machado em mãos.


Funcionários que estavam de serviço em um balsa na Baía de Guanabara, na manhã desta sexta (3), foram surpreendidos ao serem abordados por um homem pelado segurando um machado em mãos. Identificado como Hilário da Silva, de 37 anos, o homem estava, aparentemente, tendo um surto psicótico ao invadir a balsa.


Boletim Covid-19 atualizado segundo dados consolidados da Secretaria de Estado de Saúde (SES) do Rio de Janeiro em 3 de julho. Há dois dias Niterói não atualiza.



MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon