Buscar

Prefeitura inicia ações de ordenamento urbano em Alcântara

Objetivo é deixar o centro comercial mais atrativo para os consumidores e estimular a geração de empregos

Ação começou nesta sexta (15)/Foto: Divulgação

Com atividades integradas por 2,1 mil lojas e pontos comerciais e milhares de trabalhadores informais, o centro comercial de Alcântara, em São Gonçalo, está passando por ações de ordenamento urbano. O objetivo, segundo o governo Nelson Ruas, é o crescimento econômico e a geração de empregos, tornando o comércio do bairro mais atrativo para o público consumidor.

A Secretaria de Ordem Pública, através da Subsecretaria de Fiscalização de Posturas, com apoio da Guarda Municipal, iniciou nesta sexta (15) o trabalho de ocupação preventiva das principais vias de acesso ao bairro, como as ruas Iolanda Saad Abuzaid, Jovelino de Oliveira Viana e Manoel João Gonçalves, além da área sob o viaduto de Alcântara.


Os ambulantes que trabalham nesses locais de forma irregular estão sendo realocadas provisoriamente em outros pontos do bairro, como as ruas Sílvio Romero, Nestor Pinto Alves e a João Caetano.

No planejamento apresentado aos comerciantes do bairro nesta semana, as ações também visam coibir aglomerações e barracas nas principais entradas das lojas, deixando sempre livre o acesso aos pedestres e consumidores. O trabalho de orientação e ordenamento está sendo realizado das 7h às 22h, de segunda a sexta-feira, com a presença diária de dez fiscais de posturas e treze técnicos de Controle Urbano, com apoio de pelo menos dez guardas municipais.


Segundo o secretário de Ordem Pública, major David Ricardo, o prefeito Capitão Nelson determinou atenção especial à situação do bairro.

- O Capitão Nelson determinou que nós ficássemos o tempo todo focados na área, não permitindo a desordem urbana. Ele organizou, através da subsecretaria de Posturas e da Guarda Municipal, um planejamento integrado para gerar sintonia entre empresários e os interesses da sociedade, e também para organizar e adequar a área ao trânsito dos munícipes - disse o major.

O subsecretário de Fiscalização de Posturas , Randhal Juliano, explicou que as ações no Alcântara buscam ordenamento das principais vias do bairro, para que todos possam andar com segurança nos passeios públicos, oferecendo oportunidade para os trabalhadores.


- A ação também prioriza o trabalhador que ainda não está legalizado, que segue com suas atividades de forma provisória até conseguir sua licença. Está sendo definido um local para que os ambulantes de Alcântara possam atuar de forma legal e assim gerar receita para o município. O trabalho é realizado de forma educativa, orientando a todos e prezando pela organização do espaço público - detalhou.


MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon