Buscar

Professora e artista plástica gonçalense é destaque no Espírito Santo

Por Erick Bernardes


A professora de Artes e especialista em Educação Ambiental Fernanda da Silva Geraldo é nascida em são Gonçalo e tem dado muito orgulho aos seus conterrâneos. No auge dos seus 48 anos, ela tem se destacado junto à Rede de Ensino do Espírito Santo, mais especificamente na cidade litorânea de Guarapari.

Ela

Fernanda nasceu no bairro Jardim Califórnia e lembra bem da sua infância, juventude e da importância que a educação possui, através das artes, para a conexão com as questões ambientais. Revela que, na sua caminhada profissional, batalhou duro em São Gonçalo para aguçar o olhar dos seus alunos em relação à importância da formação cultural e intelectual em suas vidas, sem perder de vistas o cuidado com o ambiente. A própria Fernanda confidencia: “sou professora de base, fiz pedagógico no Colégio Santa Terezinha e, apesar de ter caminhado por outras profissões, no ano de 2000 comecei a lecionar e não parei mais. Trabalhei em várias escolas de São Gonçalo e no CIEP 410 em Santa Izabel, como efetiva na disciplina de artes”.


Em 2007, Fernanda conheceu a cidade de Guarapari e se apaixonou pela beleza do lugar. Segredou que estava em busca de mais qualidade de vida e tranquilidade para a família. Fez concurso para ingressar na SEDU/ES, em 2008, e em 2013 ingressou como efetiva na SEMED de Guarapari. Fernanda ressalta que, embora esteja longe de SG, sempre se mantém antenada com seu lugar de origem, procurando contribuir de alguma forma. Em geral, ela tem em conta que a educação de verdade deve ser sem barreiras ou quaisquer imposições nulificantes de sentidos; jamais deveriam existir muros entre as disciplinas, porém, segundo a professora e artista plástica, deve-se ampliar os horizontes dos educandos (e também dos educadores, por que não?), pois crê na transversalidade dos temas que se reconhecem e, assim, transformam vidas.

A bela Guarapari

Ao falar sobre o seu projeto “Reaproveitamento, arte e artesanato”, ressalta que tem mantido a parceria com a professora de matemática, e esse projeto possui como ponto alto a quantificação e a analise, junto aos alunos, sobre toda a questão estatística da coleta de resíduos entre outras colaborações. Em 2019, Fernanda Geraldo em parceria com a professora Aline Brandão foram vencedoras do Prêmio Estadual Professores do Brasil, com o projeto de Arte e História chamado “Guarapari: conheça, valorize, apaixone-se!”, praticado em 2016, 2017, 2018. São também projetos dessa gonçalense incansável: Raízes do Mangue 2015 (Arte e literatura), Donos da Terra 2018 (Arte e História), África em Mim 2018 (Arte e História), dentre outros.


Por fim, para a professora de Artes e Educação Ambiental Fernanda Geraldo, uma escola, onde as barreiras forem desconstruídas, terá sempre como os mais beneficiados os seus próprios alunos. Parabéns a essa gonçalense, e também à parceira de trabalho Aline Brandão, por espalharem seus conhecimentos além dos limites geográficos.



MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon