Buscar

São Gonçalo destaca importância do Teste do Pezinho em recém nascidos

O teste é realizado em seis polos de saúde do município

Foto: Divulgação

O Teste do Pezinho deve ser realizado após as primeiras 48 horas do nascimento e até o 5° dia de vida do bebê. Dessa forma é possível identificar doenças congênitas para que possam ser tratadas e a criança consiga crescer saudável. Neste sábado, 6 de junho, é comemorado o Dia Nacional do Teste do Pezinho e no município, oito unidades de saúde realizam o exame gratuitamente.

Nascida no dia 1º de junho, na Maternidade Municipal Mário Niajar, em Alcântara, a pequena Milena realizou o teste nos braços de sua avó, Elígia Flor de Lima, enquanto sua mãe estava em repouso após a cesárea. Para a avó, o teste é importante e alerta a todos os pais e avós a levarem seus filhos nos primeiros dias de vida para realização.


- Enquanto a mãe descansa no leito e o pai não pode vir por conta do seu trabalho, eu me responsabilizei em cuidar dessa parte para que, caso minha neta apresente alguma doença, ela seja tratada desde cedo e não tenha problemas futuros. O teste é muito importante e se os pais estão ocupados, que os avós ajudem e zelem por seus netos - declara.

Na realização do teste é coletada uma pequena amostra de sangue,  retirada do calcanhar do bebê e levada para análise. O exame é feito nessa região, pois é rica em vasos sanguíneos e menos doloroso. O teste é para detectar seis possíveis doenças que não apresentam sintomas no período neonatal e podem evoluir para transtornos mentais ou afetar diretamente a saúde da criança.  As doenças que podem ser diagnosticadas são: fenilcetonúria, hipotireoidismo congênito, doença falciforme e outras hemoglobinopatias, fibrose cística, deficiência de biotinidase e hiperplasia adrenal congênita. 

No segundo semestre do ano de 2019, as unidades de saúde realizaram cerca de 3.739 testes do pezinho. No primeiro semestre de 2020, já foram realizados 3.447 exames nas unidades do município. “É muito importante que os bebês façam o teste no tempo recomendado, pois é por meio dele que se pode detectar se a criança apresenta alguma doença genética” , explica a enfermeira responsável pelo teste do pezinho no município, Raquel Vieira Buarque.  

As pessoas que necessitarem levar o bebê para fazer esse exame, devem se encaminhar às seguintes unidades do município:


-Polo Sanitário Washington Luiz Lopes, no Zé Garoto – Segunda a sexta-feira, das 8h às 12h;

-Polo Sanitário Jorge Teixeira de Lima, no Jardim Catarina – Quarta-feira, das 8h às 12h;

-Clínica Municipal Gonçalense, no Mutondo – Todos os dias, das 8h às 12h;

-Polo Sanitário Hélio Cruz, em Alcântara – Segunda a sexta-feira, das 8h às 12h;

-Polo Sanitário Rio do Ouro – Segunda, quarta e quinta-feira, das 8h às 11h;

-Maternidade Mário Niajar, em Alcântara – Segunda a sexta-feira, das 8h às 16h30.


MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon