Buscar

São Gonçalo finaliza distribuição de doses da vacina nesta sexta (22)

Todos que recebem a vacina têm o nome incluído no cadastra nacional de imunização. Profissionais da saúde e idosos seguem sendo vacinados

Cidade recebeu pouco mais de 13 mil doses/Foto: Divulgação

A Secretaria Municipal de Saúde de São Gonçalo vacinou, até às 11h desta quinta-feira (21), 1.500 pessoas da área da saúde e de instituições de longa permanência de idosos (Ilpi) com a vacina CoronaVac. Ainda nesta quinta, outras unidades de saúde e Ilpis estão recebendo as doses. A distribuição das unidades de saúde termina nesta sexta-feira (22) e a previsão é que, no fim da próxima semana, todo o público-alvo desta primeira etapa tenha recebido o imunizante. Ao todo, foram distribuídas no primeiro dia, 3,4 mil doses da vacina. A distribuição e aplicação das vacinas estão sendo controladas através de protocolos direcionados pelo Ministério da Saúde. No momento da aplicação, os beneficiados preenchem ficha e assinam que receberam a vacina. Toda a documentação será lançada no sistema do Ministério da Saúde, chamado de Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunização (SIPNI).


- Esta plataforma foi liberada nesta quarta-feira (20) e esse controle é muito importante para que as doses não sejam extraviadas - disse o coordenador de imunização da Secretaria Municipal de Saúde, Rafael Vidal. Nestes primeiros dias, todos os trabalhadores da saúde que atuam em hospitais e unidades de urgência e emergência serão imunizados, tanto de unidades públicas municipais e estaduais, quanto as particulares.


- Primeiro, estamos atendendo as unidades maiores e que estão na linha de frente. Depois, as distribuições seguirão para os polos, PAMs e postos de saúde. A intenção é vacinar todos os trabalhadores da saúde da cidade - explicou Rafael. A vacinação nas Ilpis também começou nesta quarta-feira (20). Diferente das unidades de saúde, onde as doses são deixadas e aplicadas pelos profissionais das respectivas unidades; nas Ilpis, os profissionais da Secretaria de Saúde levam a quantidade destinada a cada instituição e aplicam, retornando com as sobras no mesmo dia.


Na quarta, foi feito o Abrigo Cristo Redentor, em Estrela do Norte, o maior da cidade, onde 177 doses foram aplicadas em idosos e funcionários do local. Nesta quinta-feira (21), o Lar Samaritano, no Zé Garoto, está recebendo a visita dos funcionários da saúde. E, amanhã, será a vez do Amor ao Próximo, no Centro. Todos os outros serão feitos a partir da próxima segunda-feira (25). São Gonçalo recebeu 13.149 doses da CoronaVac. Nesta primeira etapa, a vacinação será, exclusivamente, para os profissionais de saúde da ativa, idosos institucionalizados e moradores de residências terapêuticas, de acordo com as determinações do Ministério da Saúde. Por enquanto, não haverá vacinação em postos de saúde para a população. As vacinas para a segunda dose estão sob gerência da Secretaria de Estado de Saúde, na Coordenadoria Geral de Armazenagem (CGA), no Barreto, em Niterói, para garantir que o esquema vacinal aconteça conforme o determinado pelo fabricante, 21 dias após aplicação da primeira dose. A vacina contra a Covid-19 é contraindicada para menores de 18 anos, gestantes, pessoas que já apresentaram reação anafilática confirmada a qualquer componente da vacina e aquelas que estão contaminadas com o coronavírus ou com sintomas da doença.


MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon