Buscar

São Gonçalo recebe 1º Fórum de Indústria da Moda

O evento recebeu cerca de 100 pessoas

Barreto, Nanci e primeira-dama Eliane Gabriel/Foto: Divulgação

Com o objetivo de retomar a tradição do município nos setores de indústria e comércio, a Prefeitura promoveu, nesta quinta-feira (8), o 1º Fórum de Indústria da Moda de São Gonçalo. O evento aconteceu no Partage Shopping e reuniu cerca de 100 pessoas, entre empresários, comerciantes, estudantes e interessados pela moda em geral. A programação contou com palestras e buscou apresentar inovação e solução em geração de emprego e renda.


- Nós enxergamos as dificuldades que os comerciantes enfrentam e queremos trabalhar para mudar isso. É muito importante que as riquezas produzidas na cidade permaneçam aqui. Queremos manter o empreendedor dentro da nossa cidade, garantindo oportunidades favoráveis a isso. O fórum tem a intenção de discutir esses temas - garante o prefeito José Luiz Nanci.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Agricultura, Pesca e Trabalho, Evanildo Barreto, o grande desafio é localizar parceiros e apoiadores para contribuírem com a revitalização do setor de moda no município. 


- Hoje conseguimos reunir diversos empreendedores do setor de moda em São Gonçalo. Eles são persistentes e sabem como é difícil gerar emprego e renda no nosso país. São Gonçalo já viveu um período de glamour e êxito na indústria da moda, e isso foi se perdendo com o tempo. Este é o primeiro passo para voltar a dialogar e resgatar a tradição que a cidade tem no setor de moda - ressalta Evanildo Barreto.


Durante toda a tarde, o público presente contou com uma programação recheada de temas relevantes e atuais, como a legislação voltada para o E-commerce (comércio eletrônico). A palestra deste assunto ficou a cargo de Alessandra Andrade, presidente da Comissão de Direito Aplicado à Moda da OAB-SG, e Dilma Resende, presidente da mesma comissão da OAB-Niterói.


- Falar sobre E-commerce e sua legislação na indústria da moda é um assunto extenso, então tentamos resumir e trabalhar os pontos mais importantes. Destacamos, principalmente, a questão do Código de Defesa do Consumidor voltado para o comércio eletrônico e suas peculiaridades - explicaram as palestrantes.


A estudante de design e moda da Universo, Catherine Souza, 25 anos, ficou sabendo do fórum por uma rede social e resolveu ir junto com outras amigas que também fazem faculdade de moda. "Tudo que tem moda me atrai. Ainda estou indecisa sobre que área seguir, porque este setor é muito amplo, então essa experiência que estou tendo é importante", destaca.


Principal organizadora do evento, a subsecretária de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços, Valéria Dias, conta que foi um prazer receber uma adesão tão grande logo no primeiro encontro realizado e a intenção é que o fórum se torne permanente.

- Queremos trazer os empresários de volta para a cidade. Nosso projeto é reunir um grande grupo e revitalizar o polo de moda de São Gonçalo e toda sua cadeia produtiva. Queremos fazer com que as fábricas voltem a gerar emprego, renda e fomentar a venda desse setor - finaliza Valéria.


O Fórum foi idealizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciências e Tecnologia, Agricultura e Pesca e Trabalho, com apoio da Universidade Salgado de Oliveira (Universo), Sebrae, Ordem de Advogados do Brasil (OAB), Firjan, Partage Shopping, Sindicato da Indústria de Alfaiataria e de Confecção de Roupas de Homem de Niterói (Sindiconf) e Governo do Estado.


MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon