Buscar

Sargento espancado morre no Heat. Família acredita em homofobia


O Rolé desta segunda (31) começa com uma notícia trágica para cerca de 250 trabalhadores rodoviários demitidos pela Viação Ingá, de Niterói (A Tribuna).


As demissões vieram no momento nada oportuno já que a categoria negocia justamente melhores condições de trabalho inclusive com negociações com Ministério Público do Trabalho (MPT), através de audiências de conciliação com o sindicato da categoria, para decretar ou não greve.


Em São Gonçalo, Sargento da Marinha morre cinco dias após ser espancado no bairro de Lagoinha (O São Gonçalo). Assumidamente homossexual, a família acredita que Walter possa ter sido vítima de homofobia, já que nenhum pertence e nem mesmo o carro da vítima foram levados.


Os bailes funk ilegais continuam atormentando moradores do Jardim Catarina (O São Gonçalo). Por cerca de 8 horas, entre a noite do último sábado (29) e a manhã de domingo (30), com o som 'estremeceu' a Rua 41.

E encerramos o Rolé às 19h11 com duas notícias vindas de Maricá. A primeira, é que a Prefeitura liberou camelôs e vendedores ambulantes para trabalhar (Maricá Info). A outra é triste, pois um jovem de 27 anos morreu afogado na Lagoa de Jacaroá neste domingo (Plantão Enfoco).


MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon