Buscar

Trabalhadores da Educação devem retornar às atividades presenciais em São Gonçalo, segundo decreto

Professores regentes não retornam ao trabalho e as aulas presenciais continuam suspensas

Salas continuam vazias/Foto Divulgação

Em Decreto publicado no Diário Oficial no início da noite desta terça (12), ficou estabelecido que todos os trabalhadores da Educação, à exceção dos professores regentes, devem retornar às atividades nas suas unidades de ensino no dia 2 de fevereiro. As aulas presenciais, continuam suspensas.


Devem voltar a trabalhar diretores, secretários escolares, auxiliares de secretaria, inspetores, merendeiros, vigias, porteiros, professores e orientadores pedagógicos e orientadores educacionais.


Segundo o documento assinado pelo prefeito Nelson Ruas (Avante), ficará a cargo da direção da Unidade Escolar a organização da escala de trabalho, de modo a se evitar aglomeração. E os profissionais que se encontram no grupo de risco de contágio da COVID-19 deverão continuar desenvolvendo suas atividades por meio do trabalho remoto.


MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon