top of page

Projeto estimula jovens que estão em busca do primeiro emprego


O "Da Hora Jovem" tem como objetivo possibilitar o reconhecimento do trabalho e da educação como direito do cidadão


A busca pelo primeiro emprego é uma fase marcada por dúvidas, incertezas e dificuldades na vida dos jovens. Foi a partir da procura de moradores do Rio do Ouro por mais informações por temas relacionados ao mercado de trabalho, que o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, junto com o Cras Rio Do Ouro, criou o "Da Hora Jovem", projeto que oferece um espaço de reflexão, através de uma oficina que aborda temas relacionados ao acesso ao mercado.

Com duração de dois meses e meio, a oficina acontece semanalmente e é voltada para o público de 14 a 17 anos. Durante os encontros, assistentes sociais e psicólogos das equipes técnicas do CRAS abordam com a turma temas como a linguagem corporal no mundo do trabalho; consumismo e adolescência; currículo, mercado e redes sociais; construção de valores morais e ética e cidadania, entre outros.

O "Da Hora Jovem" tem como objetivo possibilitar o reconhecimento do trabalho e da educação como direito do cidadão, desvelar aptidões e sonhos sobre o universo do trabalho e competências básicas específicas, além de gerar estímulo ao protagonismo juvenil dos usuários atendidos no bairro.


- O objetivo deste trabalho é desconstruir estigmas, lapidar comportamentos e ampliar o horizonte dos jovens da comunidade do Rio do Ouro em relação ao primeiro emprego. É um desejo nosso de contribuir para emancipação e melhora na qualidade de vida dos adolescentes que muitas vezes não conseguem uma vaga por falta de preparo e conhecimento - explicou Mônica Bastos, coordenadora do Cras.

Para a secretária de Desenvolvimento Social, Marta Maria Figueiredo, é preciso manter as equipes da rede de assistência sempre capacitadas para auxiliarem esses jovens nessa fase tão importante da vida deles.

- Esse projeto é o resultado do trabalho bem desenvolvido por nossos técnicos junto com os sonhos e a vontade de vencer dos nossos adolescentes, que estão nessa etapa tão importante da vida. Nossas equipes estão sempre realizando capacitações para poder acolher e oferecer toda assistência que nossa população precisar - afirmou Marta.

Quem quiser mais informações sobre o “Da Hora Jovem” pode entrar em contato com o Cras que fica na Rua Faustino Fonseca, lote 596, Rio do Ouro. Telefone: 3605-2425.

POLÍTICA