top of page

Defensoria Pública do RJ contabiliza 20 mortos durante operação policial no Alemão

Já a polícia confirmou apenas cinco mortes


Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Brasil 247 - A Ouvidoria da Defensoria Pública do Rio de Janeiro informou que pelo menos 20 pessoas morreram nesta quinta (21) durante uma operação policial no Complexo do Alemão.


Guilherme Pimentel, ouvidor da Defensoria, afirmou que levantou ao número junto ao diretor da UPA do Alemão, onde chegaram 15 corpos, e da equipe de assistência social do Hospital Estadual Getúlio Vargas, onde chegaram outros 5 corpos.


Já a polícia confirmou apenas cinco mortes:


O cabo da PM Bruno de Paula Costa, atingido no pescoço em ataque à UPP da Fazendinha;


Letícia Marinho de Sales, de 50 anos, moradora baleada dentro do carro — segundo parentes, por um policial;


3 criminosos, de acordo com a PM, ainda não identificados.


A operação desta quinta (21) envolveu equipes do Bope (Batalhão de Operações Especiais) da PM e da Core (Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais) da Polícia Civil.

 

Ajude a fortalecer nosso jornalismo independente contribuindo com a campanha 'Sou Daki e Apoio' de financiamento coletivo do Jornal Daki. Clique AQUI e contribua.