top of page

Mais de três milhões de cariocas ainda não tomaram a vacina contra covid

Na capital, 15 mil doses da vacina perderam a validade por causa da baixa procura e vão ser descartadas


Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil
Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil

Brasil de Fato - Na cidade do Rio de Janeiro, mais de três milhões de pessoas que poderiam ter tomado as doses de reforço da vacina contra a covid-19 ainda não se imunizaram. Como noticiado nas últimas semanas, por conta da baixa procura, doses do imunizante estão perdendo a validade.


Segundo a Secretaria Municipal de Saúde informou no início da semana, 15 mil doses da AstraZeneca venceram na última terça (2). A prefeitura vai recolher essas doses vencidas, contar e armazenar num local refrigerado e esperar uma decisão do Ministério da Saúde para saber o que fazer com essas doses fora da validade.


Além dos adultos, a vacinação infantil está caminhando de forma muito lenta. Na cidade, mais de 126 mil crianças não tomaram sequer a primeira dose do imunizante. Até a noite de quarta (3), pouco mais de 36 mil crianças de 3 a 4 anos tinham tomado a primeira dose da vacina, num total de 170 mil crianças nessa faixa etária.




Desde a última semana, todas as pessoas com 18 anos ou mais podem receber a segunda dose de reforço da vacina na cidade. O intervalo é de quatro meses ou mais da aplicação da primeira dose de reforço. Para ser vacinado, basta apresentar documento de identidade com CPF e comprovante de vacinação.


Quem está com sintomas gripais não deve receber o imunizante, mas sim procurar uma clínica da família ou centro municipal de saúde para realizar um teste de covid-19. Os locais e horários dos postos de vacinação podem ser consultados em coronavirus.rio/vacina.

 

Ajude a fortalecer nosso jornalismo independente contribuindo com a campanha 'Sou Daki e Apoio' de financiamento coletivo do Jornal Daki. Clique AQUI e contribua.



POLÍTICA