top of page

'Dama do tráfico': Nikolas Ferreira pode pagar R$ 90 mil de indenização a humorista

O mesmo valor é cobrado do vereador Fernando Holiday, ambos do PL, após os dois compartilharem uma foto identificando a comediante Ana Virginia Teixeira como criminosa

O deputado federal bolsonarista Nikolas Ferreira (PL-MG). Foto: Reprodução
O deputado federal bolsonarista Nikolas Ferreira (PL-MG). Foto: Reprodução

DCM - O deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG) e o vereador Fernando Holiday (PL-SP) estão enfrentando um processo na Justiça, movido pela humorista Ana Virginia Teixeira, conhecida por abordar temas políticos de maneira “bem-humorada” nas redes sociais.


A denúncia busca uma indenização de R$ 90 mil após a dupla compartilhar uma foto da comediante ao lado do ministro da Justiça, Flávio Dino, identificando-a como uma “dama do tráfico”, conforme noticiado pelo jornal O Globo.


O Vídeo

O material em questão exibe a humorista ao lado do ministro Flávio Dino. Bolsonaristas disseminaram a fake news, afirmando que se tratava de uma mulher casada com um chefe do Comando Vermelho.

A humorista Virgínia Teixeira ao lado do ministro Flávio Dino. (Foto: Reprodução)

Após a circulação da mensagem falsa, em novembro, Virgínia fez um post desmentindo a farsa.


“A que ponto chega o bolsonarismo? A esse ponto aí, ó. Olha ao que estão me associando. Mas vão ter que provar. Inclusive vão ter que provar até que eu sou amazonense. Eu estou na UTI do Hospital do Rio Grande do Norte com minha filha hospitalizada e os bolsonaristas fazendo isso aqui”, disse a humorista na publicação em questão, que acompanha um vídeo.


“Tá vendo a maldade? Agora vão ter que provar tudo que vocês estão falando. Vocês estão mexendo com uma mãe de família que vocês nem conhecem. Simplesmente estou naquele vídeo com o Flavio Dino. Simplesmente por não acreditar que o Flávio Dino pudesse conhecer uma nordestina arretada sem medo de ser feliz, que defende Lula a todo custo, estão me associando ao crime organizado. Vamos ver no que vai dar. Aguarde cartas.”


Flávio Dino também fez um post desmentido o ocorrido em suas redes sociais.


“A mentira de hoje, continuando a canalhice de ontem, é que essa senhora do vídeo é uma criminosa com quem eu teria me reunido, o que é absolutamente falso, como afirmo desde ontem. Esses bandidos inventam essas calúnias para aglutinar gente da mesma espécie, a fim de praticar o mal. Vejam o desmentido da atriz e humorista, que recebe a minha solidariedade pessoal”, escreveu Dino.


Entre no nosso grupo de WhatsApp AQUI.

Entre no nosso grupo do Telegram AQUI.

 

Ajude a fortalecer nosso jornalismo independente contribuindo com a campanha 'Sou Daki e Apoio' de financiamento coletivo do Jornal Daki. Clique AQUI e contribua.