Buscar

Cremerj desinterdita Hospital Luiz Palmier


O HLP adotou medidas administrativas e realizou o processo de adequação para o licenciamento do hospital


O diretor do HLP, Eraldo Azevedo, recebeu os representantes do Cremerj que entregaram o auto de desinterdição/Foto: Divulgação

O Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio (Cremerj) desinterditou, na manhã desta sexta-feira(17), o Hospital Luiz Palmier(HLP), no Zé Garoto. A diligência foi realizada após a Secretaria Municipal de Saúde protocolar, em menos de 24 horas depois da interdição, documentos que comprovam que as solicitações feitas pelo órgão haviam sido atendidas.

- O hospital estava fechado parcialmente. Os pacientes internados continuaram sendo atendidos e agora voltamos com a assistência em sua totalidade - declara o secretário de Saúde, Jefferson Antunes.

No último mês, a direção do HLP adotou medidas administrativas e realizou o processo de adequação para o licenciamento do hospital, documentação que nunca teve em 95 anos de atuação no município, onde foram incluídos projetos de segurança do trabalho e comissões de infecção hospitalar, óbito, ética médica, ética de enfermagem e prontuário.

- Todas as adequações necessárias foram feitas, conforme consta no relatório feito pela Vigilância Sanitária Estadual, Coren e Cremerj. Antes, o local estava desestruturado, funcionando para outros serviços. Estamos reinserindo a unidade entre os serviços de alta complexidade no município, como era referenciado há anos atrás - explica o diretor geral do hospital, Eraldo Azevedo.


Nos últimos dois anos, a unidade hospitalar, que fechou o ano de 2018 com 20 mil atendimentos e é referência em leitos de retaguarda na região, aumentou o número de leitos, inaugurou o primeiro lactário municipal, laboratório de microbiologia, além da reforma do centro cirúrgico. Criou também a farmácia própria da unidade, endoscopia, câmara mortuária, cirurgias eletivas, depósito de resíduos hospitalares, reforma do refeitório, e ampliação do serviço de colonoscopia, que atende 400 pessoas ao mês. Em breve, o hospital irá inaugurar uma nova unidade intermediária, o serviço de tomografia e a reinauguração do Espaço Rosa, que contará com um novo mamógrafo.

Além de contar com serviço de emergência psiquiátrica, leitos para pacientes com HIV e Tuberculose no Espaço Vida, conta também com com as seguintes especialidades: urologia, risco cirúrgico, proctologia, cirurgia geral e ginecológica, patologia cervical, planejamento familiar, dentista para gestante de alto risco e pequenos procedimentos cirúrgicos.

Moradora do bairro Mutuapira, a cuidadora Solange Costa, 52 anos, esteve na unidade nesta sexta, para a retirada dos pontos da cirurgia que realizou há 115 dias na unidade. "Eu estava com um tumor no ovário de nove quilos. Sou muito agradecida por toda equipe que me acolheu. Fui muito bem cuidada e hoje tenho minha vida normal de volta", explica.

#CIDADE #SÃOGONÇALO #HLP #SAÚDE

MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon