top of page

Homens procuram garotas de programa para desabafar e elaborar traumas: 'tudo, exceto sexo'

Isso é mais comum do que se imagina

Mateus Hwang com a acompanhante Tiffany. Foto: reprodução
Mateus Hwang com a acompanhante Tiffany. Foto: reprodução


Um vídeo do influenciador Mateus Hwang no TikTok viralizou após ele contratar uma acompanhante para acompanhá-lo ao Centro de Atenção Psicossocial (Caps), uma unidade do SUS dedicada à saúde mental. No vídeo, ele explica que faz várias atividades com a mulher, exceto sexo.


Mateus compartilha que sua terapeuta recomendou que ele fizesse mais amizades e contatos sociais. Como ele tem dificuldade em fazer isso, decidiu contratar Tiffany para ir com ele ao local onde faz terapia. “Pra quem não sabe, acompanhante não serve só para atos libidinosos, ela pode acompanhar em qualquer coisa que você quiser”, ele diz.



Carolina Bonomi, cientista política e ativista que estuda trabalho sexual, comentou sobre o caso: “Já entrevistei vários clientes de prostituta que dizem que só querem chegar no quarto e conversar ou sair pra conversar. Os homens têm problemas com a ideia de saúde mental, muitas vezes não querem procurar psicólogo, não querem falar de sentimentos, demonstrar afeto e falar com amigos”.


Nos siga no BlueSky AQUI.

Entre no nosso grupo de WhatsApp AQUI.

Entre no nosso grupo do Telegram AQUI.

 

Ajude a fortalecer nosso jornalismo independente contribuindo com a campanha 'Sou Daki e Apoio' de financiamento coletivo do Jornal Daki. Clique AQUI e contribua.

POLÍTICA