Buscar

Centro de Testagem Exclusivo Coronavírus de Itaboraí realiza agendamento para exames

Em 20 dias, jáforam 564 exames realizados

Foto: Divulgação

O Centro de Testagem Exclusivo Coronavírus – Policlínica de Especialidades Médicas Vereador José de Oliveira “Filoco”, em Manilha, inaugurado há 20 dias, já registrou 564 exames realizados em pacientes com suspeita da Covid-19.


O local, inaugurado no dia 18 de maio, trouxe para a população de Itaboraí mais um importante reforço nas ações de enfrentamento à pandemia da Covid-19.


A grande procura para realização do teste rápido levou a Secretaria de Saúde a ampliar o número de exames. Agora, por semana, serão realizados 500 agendamentos. Até o momento eram agendadas 250 pessoas semanalmente, mas a procura por pessoas que apresentam os sintomas característicos da doença está sendo grande, levando a necessidade da ampliação no número dos testes realizados.


De acordo com a Secretaria de Saúde, os exames só serão feitos se o paciente estiver agendado. Para isso, ao identificar os primeiros sintomas da Covid-19, as pessoas devem buscar atendimento numa unidade de saúde mais próxima da residência. A equipe de saúde das unidades farão o atendimento inicial e verificar se o paciente apresenta os sinais da doença e ainda se ela se encaixa no período em que deve fazer a testagem, o que acontece após o oitavo dia de sintomas, quando os anticorpos podem ser detectados com melhor sensibilidade, seguindo orientações do Ministério da Saúde.


Para o agendamento é necessário que as pessoas tenham em mãos um documento de identificação pessoal, cartão SUS e comprovante de residência atualizado.


Este tipo de exame aponta se a pessoa teve ou não contato com o vírus, que é feito utilizando apenas uma gota de sangue do paciente para a amostra. Sendo resultado do teste rápido positivo, os pacientes são diretamente encaminhados para o Espaço Covid-19, em Nancilândia ou para uma unidade de saúde, dependendo da gravidade de cada caso.


A equipe de profissionais da Saúde ressalta que é importante explicar à população que, quando a pessoa entra em contato com o vírus, o organismo inicia a produção de anticorpos como um mecanismo de defesa. No entanto, é preciso aguardar oito dias até que a quantidade desses anticorpos seja detectável no teste. Pessoas, que estiverem apresentando os sintomas (tosse, febre, dor de garganta e dor de cabeça), podem passar por uma avaliação em uma unidade de saúde próxima da residência, conversar com a equipe de plantão e verificar a necessidade de realizar o teste rápido para diagnóstico da doença.


MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon