top of page

Morre aos 69 anos o jornalista Antero Greco; veja video

Antero Greco ficou conhecido por seu bom humor tanto na televisão quanto nas redes sociais

Jornalista esportivo Antero Greco — Foto: Reprodução/Redes sociais
Jornalista esportivo Antero Greco — Foto: Reprodução/Redes sociais


DCM - Nesta quinta-feira (16), o mundo do jornalismo esportivo perdeu um de seus ícones, Antero Greco, aos 69 anos. O jornalista estava internado no Hospital da Beneficência Portuguesa, em São Paulo, desde junho de 2022, quando foi diagnosticado com um tumor cerebral.

A despedida de Antero será no Cemitério do Redentor, em São Paulo, ao meio-dia desta quinta-feira. E o enterro às 16h.


Antero Greco ficou conhecido por seu bom humor tanto na televisão quanto nas redes sociais. Ele trabalhava na ESPN desde a década de 1990, sendo um dos apresentadores do SportsCenter, ao lado do jornalista Paulo Soares, o “Amigão”.


Segundo Soares, em uma publicação no UOL na última sexta-feira (11), Greco estava em um sono profundo e sereno, não acordava nem falava mais, se alimentava por sonda, mas seus sinais vitais ainda respondiam bem. A família estava presente, com exceção de Cris, que reside em Paris e estava para chegar na terça-feira.


Antero Greco, nascido em 2 de junho de 1955 em São Paulo (SP), filho de italianos e ex-lateral-direito, tinha o sonho de ser padre e jogador de futebol, mas acabou se tornando jornalista.


Sua carreira teve início em 1974, aos 19 anos, como revisor no O Estado de S.Paulo. Três anos depois, foi promovido a repórter de Esportes, onde desempenhou diversas funções, incluindo chefe de Reportagem, repórter especial e editor assistente.


Em 1989, deixou o jornal para integrar a Agência Estado, retornando ao “Estadão” em 1992 como editor de Esportes, cargo que ocupou até o final de 1993.


Além disso, teve passagens pelo extinto Popular da Tarde (em julho de 1989), pela Folha de S.Paulo (entre setembro e novembro de 1989) e pela TV Bandeirantes, onde participou das primeiras transmissões do Campeonato Italiano em 1983, ao lado do narrador Edgard de Mello Filho e do comentarista Pedro Luiz Paoliello.


Entre janeiro de 1994 e dezembro de 2000, trabalhou no Diário Popular (atual Diário de S.Paulo), desempenhando funções como chefe de Reportagem, editor assistente e colunista. Antero retornou ao Estadão no final de 2000 como colunista e entre setembro de 2006 e dezembro de 2009 foi novamente editor de Esportes do jornal.


Em 1994, começou a comentar as transmissões de futebol da TVA Esportes, duas semanas após a criação do canal, que posteriormente se tornou a ESPN Brasil. Em 2000, passou a apresentar o SportsCenter ao lado de Paulo Soares.


A parceria entre Antero Greco e Paulo Soares se destacou na televisão esportiva, transformando o “SportsCenter” em um programa de referência para os amantes do esporte, com análises profundas e debates acalorados sobre as principais modalidades esportivas.


Relembre 10 momentos que levaram seus fãs aos risos:


Nos siga no BlueSky AQUI.

Entre no nosso grupo de WhatsApp AQUI.

Entre no nosso grupo do Telegram AQUI.


Ajude a fortalecer nosso jornalismo independente contribuindo com a campanha 'Sou Daki e Apoio' de financiamento coletivo do Jornal Daki. Clique AQUI e contribua.

POLÍTICA