Buscar

Sindicato responde a insulto de secretária de Educação de São Gonçalo

Lícia Damasceno acusou servidores de se esconderem atrás do concurso para não trabalhar

Ela fez o post em sua rede social/Reprodução Instagram

O Sindicato dos servidores de São Gonçalo (Sindspef-SG) soltou na manhã desta sexta (26) nota de repúdio contra a secretária de Educação Lícia Damasceno, que usou nesta semana sua conta no Instagram para atacar o funcionalismo público que, segundo ela, se esconde atrás do concurso para não trabalhar.


Diante da repercussão negativa, Damasceno excluiu o post, mas o estrago estava feito e a internet caiu em cima dela.


Na nota, o Sindspef diz ter recebido "com profunda tristeza e indignação a informação dos insultos e ataques gratuitos cometidos pela atual secretária de Educação, sra Lícia Damasceno, ao funcionalismo público concursado do Município", e pediu retratação pública e imediata da secretária junto a todos os seus colegas servidores.


Damasceno tem encontrado resistência dos profissionais de educação em aderir ao seu plano de retorno às aulas presencias, que começam na próxima segunda, 1º de março. Um outro sindicato da categoria (SEPE) realiza assembleia hoje que deve definir pela greve e retorno mediante à vacinação do magistério e comunidade escolar.


Leia a nota do Sindspef:


NOTA DE REPÚDIO


Nós, do Sindspef, recebemos com profunda tristeza e indignação a informação dos insultos e ataques gratuitos cometidos pela atual secretária de Educação, sra Lícia Damasceno, ao funcionalismo público concursado do Município.


A sra. secretária dizer que nos escondemos atrás do concurso para não trabalhar é, no mínimo, afirmação caluniosa. E sabendo que tal despautério foi dito sob o peso de 250 mil mortos na pandemia, demonstra insensibilidade, falta de empatia e incapacidade absoluta de liderança junto aos seus pares.


Em meio a desafios tão grandiosos, no restabelecimento do “novo normal” e na garantia do acesso pleno à Educação pelos usuários, esse discurso só descontrói e dói, nos insulta, nos entristece.


Exigimos da sra. secretária Lícia Damasceno, que também é servidora concursada que deve ou deveria saber do valor intrínseco da estabilidade no serviço público, retratação pública e imediata junto a todos os seus colegas servidores.


Por fim, desejamos que a sra. Lícia Damasceno tenha maturidade em não ceder ao deslumbre ilusório que o cargo proporciona.


Diretoria Sindspef.



MV1.2.jpg
MALUGA_2.jpg

© 2020 POR APOLOGIA BRASIL

  • w-facebook
  • Instagram
  • White Twitter Icon